Cassilândia, Terça-feira, 28 de Março de 2017

Últimas Notícias

18/07/2005 15:23

Grupo homossexual pede manutenção de status ministerial

Agência Brasil/ Nelson Motta

O Movimento Estruturação – Grupo Homossexual de Brasília protocolou hoje, no Palácio do Planalto, uma carta para ser entregue ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva, pedindo a manutenção do status de ministério da Secretaria Especial de Direitos Humanos (SEDH). Com a reforma ministerial, a SEDH foi incorporada à pasta da Justiça e perdeu a condição de ministério.

O diretor do Movimento Estruturação, Márcio Koshka, disse que o objetivo da carta é sensibilizar o presidente Lula para que reveja a decisão. "A gente gostaria que a Secretaria continuasse com o status de ministério, por causa da importância das políticas de Direitos Humanos", destacou.

Koshka lembrou que a secretaria, criada no início do governo, estava sendo utilizada como um espaço para as demandas do movimento homossexual. "Eu posso citar o Programa Brasil Sem Homofobia como um dos projetos que estão dando certo e foi articulado dentro desta secretaria, mas, para que possa ser consolidado, tendo as 53 ações executadas, é necessário um poder político", afirmou.

O Estruturação – Movimento Homossexual de Brasília, é uma organização que existe há 11 anos. Segundo Márcio Koshka, a entidade de gays, lésbicas e travestis chegou a ganhar um prêmio na área de direitos humanos em 2003. A carta ao presidente Lula é assinada também por dirigentes do Movimento Homossexual, Lésbicas, de Afro-Descendentes, de Bissexuais, de Jovens, de Transsexuais e Transgêneros e de Surdos e Mudos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 27 de Março de 2017
Domingo, 26 de Março de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)