Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

26/10/2004 13:18

Greenpeace protesta contra construção de usinas nucleare

Cristiane Ribeiro / ABr

Um ativista do Geenpeace se manifestou durante a abertura do X Congresso Brasileiro de Energia, no Hotel Glória, interrompendo o discurso do secretário de Energia, Indústria Naval e Petróleo do Rio de Janeiro, Wagner Victer. Marcelo Furtado protestou contra a construção de usinas nucleares no Brasil e distribuiu cópias de uma carta pedindo o fim do programa nuclear brasileiro.

O representante da organização ambientalista também entregou a carta para o secretário-executivo do Ministério de Minas e Energia, Maurício Tolmasquin, e para o secretário de Política de Informática e Tecnologia do Ministério da Ciência e Tecnologia, Francelino Grando, de quem ouviu que “o governo tem o compromisso com a sociedade de discutir amplamente a necessidade de construir outras usinas nucleares antes de tomar qualquer decisão”. Na semana passada, o ministro da Ciência e Tecnologia, Eduardo Campos, afirmou em um programa de televisão que o governo estudava a possibilidade de construir mais quatro reatores nucleares no país.

Nesta terça-feira, 11 ativistas do Greenpeace lacraram as portas da sede da Indústria Nuclear Brasileira (INB), em Botafogo, zona sul do Rio de Janeiro, como forma de protesto. O grupo alega que uma pesquisa do Iser (Instituto Superior de Estudos Religiosos) apontou que 82,3% dos brasileiros são contra a construção de usinas nucleares no país. Os ativistas foram detidos e levados para a delegacia de Botafogo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)