Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

11/06/2004 14:12

Grávida pode ganhar passagem para fazer pré-natal

Agência Câmara

As mulheres grávidas que precisarem ir a outra cidade para realizar os exames pré-natais e pós-parto poderão ter direito ao transporte gratuito em ônibus interestaduais. Essa é a sugestão que o deputado Carlos Nader (PFL-RJ) apresentou à Câmara por meio do Projeto de Lei 3447/04. A intenção é facilitar o acesso à assistência à saúde de gestantes residentes em zona rural ou em municípios onde não haja atendimento integral.

Números
No Brasil, em cada 100 mil nascidos vivos, 74,5 mulheres morrem devido a complicações na gestação, no parto ou no puerpério (período que se segue ao parto). "A maioria dessas mortes é previsível ou evitável", afirma Nader, se as mulheres tivessem acesso em tempo oportuno a serviços qualificados de saúde. Entre as causas de óbito de grávidas, aparecem fatores como a hipertensão, hemorragias, infecções e aborto.
A mortalidade materna é um indicador da qualidade de vida de uma população e está diretamente relacionado ao nível sócio-econômico das mulheres.

Normas
O número de deslocamentos por mês, será definido pelo Sistema Único de Saúde (SUS) de acordo com as necessidades de cada grávida. A gestante deverá apresentar à empresa de ônibus uma declaração fornecida pelo SUS de que precisa se deslocar para a realização de tratamentos, exames ou para hospitalização.
O projeto limita a duas vagas por ônibus o número de gestantes a serem transportadas, desde que não acumule com os benefícios concedidos aos idosos.

Trâmite
A proposta está na Comissão de Viação e Transportes, onde aguarda a definição do deputado que irá relatá-la. Em seguida, será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.



Reportagem - Natalia Doederlein
Edição - Regina Céli Assumpção


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 21 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)