Cassilândia, Quinta-feira, 23 de Maio de 2019

Últimas Notícias

27/04/2019 15:00

Governo vai contratar mais de mil brigadistas

Portal Brasil

Como parte da preparação para a temporada de incêndios florestais, que geralmente começa no meio do ano, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), autarquia vinculada ao Ministério do Meio Ambiente (MMA), acaba de lançar 98 editais para a contratação de brigadistas.

Ao todo, serão contratados 1.169 brigadistas por períodos que variam de 6 meses a dois anos. As vagas são para 88 unidades de conservação (UCs) distribuídas por diversos estados da federação. Clique aqui para ter acesso aos editais de seleção.
No total, o ICMBio vai destinar R$ 18 milhões para as contratações, fora o que já foi investido na aquisição de equipamentos de proteção individual (bombas costais, motobombas, mangueiras e turbossopros) de combate a incêndios florestais.

A seleção será feita em duas etapas: a primeira consistirá numa avaliação física e habilidades do candidato com o uso de ferramentas agrícolas e terá caráter eliminatório; na segunda, será ministrado um curso de 40 horas para os pretendentes às vagas de chefe de esquadrão e de brigadistas e determinará a classificação final dos participantes.

O teste de aptidão física (TAF) prevê caminhada com a bomba costal e tem o objetivo de avaliar a resistência muscular, aeróbica e capacidade cardiorrespiratória do participante. O candidato deve percorrer distância de 2,4 km com a bomba costal cheia d’água, pesando cerca de 20 quilos em, no máximo, 30 minutos. Quem não cumprir esse tempo será desclassificado automaticamente.

Já o teste de uso de ferramentas (THUFA) avalia o uso da enxada, para capinar e rastelar uma área de 3x5 metros em, no máximo, 20 minutos, sendo avaliados a qualidade da capina e a obediência aos critérios de lançamento do material.

Nova Lei

A contratação dos brigadistas será feita com base na Lei 13.668, de 28 de maio de 2018, que define novas regras para a aplicação de recursos da compensação ambiental. Entre outras coisas, a lei prevê o recrutamento de pessoal para emergências ambientais no ICMBio e Ibama. Além de ampliar a duração dos contratos, elai diversificou as atividades a serem exercidas.

De acordo com a nova regra, podem ser contratadas pessoas para atividades de prevenção, controle e combate de incêndios; apoio em ações de conservação, manejo e pesquisa de espécies ameaçadas; apoio a projetos de preservação, uso sustentável, proteção e apoio operacional à gestão de unidades; apoio à identificação à demarcação e consolidação territorial; e apoio às ações de uso sustentável.

O tempo de duração dos contratos de brigadistas passa de 6 meses para 2 anos, prorrogável por mais um ano. Desse modo, com um período mais longo de trabalho, os brigadistas poderão desenvolver atividades de combate aos incêndios florestais por mais tempo e reforçar as medidas de prevenção nos períodos que antecedem a temporada de fogo.

No geral, a nova regra atualizou dispositivo da antiga Lei nº 7.957, de 1989, e fortaleceu a gestão das unidades de conservação federais, ao contribuir para a geração de emprego e renda e ao dar prioridade à contratação de pessoas da comunidade que vivem perto das UCs.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
Quarta, 22 de Maio de 2019
10:00
Receita do Dia
09:21
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)