Cassilândia, Sábado, 19 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

03/11/2003 09:18

Governo vai aumentar salário de 10 mil administrativos

Campo Grande News

O secretário de Gestão Pública, Ronaldo Franco, anunciou há pouco a adoção de uma política para unificar os padrões salariais no setor administrativo do Estado. De imediato, segundo ele, a medida beneficia 10 mil servidores que recebem R$ 318,00 e não possuem nenhum tipo de gratificação.
Hoje, esse grupo de funcionários começa e termina a carreira com os mesmos R$ 318,00, valor atual. “Para acabar com essa injustiça, o governo vai criar uma política de subsídios”, diz o secretário, revelando que a decisão significa reajuste médio de 18% na folha dos administrativos, hoje em torno de R$ 6 milhões mensais.
Negociado com a Federação dos Servidores Públicos de Mato Grosso do Sul (Fersep), a medida atende os servidores com mais de 35 anos de serviço. Até agora, segundo Ronaldo Franco, a categoria dos administrativos, que não possuem adicional (gratificação) de função, era submetida a uma regime de achatamento salarial.
Recebiam R$ 216,00 de vencimento e mais o abono de R$ 102,00. Toda vez que tinham aumentos, dado em cima do vencimento, era descontado no abano. Em tese, o reajuste não significa ganho real. A partir da nova política, o servidor da categoria “fundamental incompleto” começa com R$ 318,00 e, quem tiver com mais de 35 anos de serviço, passa para R$ 534,00.
Os funcionários da categoria “fundamental completo” começa com R$ 397,00 e vai até R$ 623,00. O servidor médio inicia com R$ 423,00 e termina a careira com R$ 711,00. Para Ronaldo Franco, a política que está sendo adotada “corrige uma distorção histórica que desestimulava o servidor”.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 19 de Setembro de 2020
Sexta, 18 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)