Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/03/2005 14:45

Governo promete reduzir déficit da Previdência

Agência Brasil



O governo espera reduzir o déficit previdenciário deste ano para 32 bilhões de reais, ante projeção de 37,8 bilhões de reais, com um pacote de medidas que visa combater evasão e fraudes, informou o Ministério da Previdência em comunicado nesta quinta-feira.

A expectativa é de que o déficit também recue em 2006, passando de 38 bilhões de reais projetados para 24 bilhões de reais. "Estamos nos propondo nos próximos dois anos reduzir em 40 por cento o déficit da Previdência, valor extremamente significativo e audacioso", afirmou o ministro da Previdência, Romero Jucá, nesta quinta-feira, em entrevista para explicar as novas metas e mudanças no gerenciamento do sistema previdenciário.

A redução do déficit deste ano, de 5,8 bilhões de reais, será alcançada com receita líquida adicional de 4,2 bilhões de reais referente à cobrança de dívidas e ações judiciais, redução de fraudes no valor de 800 milhões de reais e medidas administrativas que resultarão em economia de outros 800 milhões de reais.

Já para 2006, a maior parte da economia estimada de 14 bilhões de reais resultará da melhora da gestão da máquina, com 7,5 bilhões de reais. O restante, 6,5 bilhões de reais, virá com a recuperação de receitas.

Para combater fraudes e sonegações, o ministério vai fazer um monitoramento mais rigoroso dos chamados grandes contribuintes e acompanhar os créditos dos grandes devedores.

Além disso, o governo prometeu implantar um modelo de cruzamento dos cadastros público Tribunal Superior Eleitoral, Ministério da Saúde, Ministério da Fazenda, Ministério do Desenvolvimento Social, entre outros para evitar pagamento de benefícios em duplicidade.

"Vou estar muito à vontade para enfrentar corporações, fraudadores e sonegadores", prometeu o ministro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)