Cassilândia, Domingo, 27 de Maio de 2018

Últimas Notícias

11/02/2016 15:00

Governo muda regra e vai ceder professores efetivos a entidades

Campo Grande News

Após realização de audiência pública e várias reuniões, o governo estadual, por meio da SED (Secretaria de Estado de Educação), assinou documento, que se compromete a ceder professores efetivos para entidades de educação especial, que fazem a escolarização deste público. Haverá um prazo de três anos para que seja regularizada toda esta situação.

O deputado Pedro Kemp (PT) foi ao plenário elogiar a atuação do governo, que resolveu atender aos pedidos das instituições, feitos ainda no ano passado. "Nós fizemos uma audiência pública com mais de 1.500 pessoas e apresentamos as propostas. O governo teve a sensibilidade de nos atender".

O petista explicou que antes estes professores cedidos eram contratados e por esta razão trabalhavam de forma irregular. "O governo não pode contratar e repassar servidores para outras entidades, mas com muita conversa chegamos a esta solução. Além disto, haviam sugerido que seria repassado recurso para entidades contratarem, mas convencemos que não seria uma boa opção".

Outro problema é que sempre no começo do ano havia uma "novela", de espera para a cedência e novos contratos com estes servidores. "Sendo professores efetivos, esta questão não vai mais existir, se trata de uma questão que foi resolvida e não vai mais trazer transtornos".

A secretária estadual de Educação, Maria Cecília Amendola, ressaltou que esta decisão aconteceu depois de mais de dez reuniões, que tiveram a participação inclusive do MPE (Ministério Público Estadual), onde se decidiu que a melhor forma de resolver era legalizando esta cedência. "Além de repassar recursos do Fundeb, iremos ceder professores efetivos para as entidades que tem a função de escolarizar, já assinamos o documento e começa a funcionar ainda neste ano".

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 27 de Maio de 2018
Sábado, 26 de Maio de 2018
14:57
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)