Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

21/02/2008 14:08

Governo Federal propõe fim do salário-educação

A proposta de reforma tributária que será encaminhada pelo Executivo para o Congresso Nacional na próxima semana prevê o fim da cobrança de 2,5% sobre o salário- educação que todas as empresas têm de recolher. Esta contribuição incide sobre as folhas de pagamento e, segundo o líder do PT na Câmara, Maurício Rands (PT-PE), o fim dela é um dos itens que visam desonerar a carga tributária dos empresários.

Apesar da proposta, o Ministério da Educação não deixaria de receber os recursos, uma vez que a arrecadação compõe o Fundo Nacional de Educação. A solução é repasse direto do caixa do Tesouro. Os valores viriam da base de um novo imposto a ser criado, o IVA (Imposto sobre Valor Agregado), que representa a junção de PIS, Cofins, CIDE e CSLL. Este último seria incorporado ao imposto de renda.

Com a criação do IVA, os recursos das antigas contribuições (PIS, CIDE, Cofins e CSLL) passarão a ser compartilhados entre os Estados e Municípios. Desde o início da década de 90 os governos vinham criando contribuições ao invés de impostos, pois a Constituição obriga a partilha de impostos entre Estados e Municípios, o mesmo não vale para as contribuições.

O líder Rands também afirmou que a proposta de reforma tributária prevê outras isenções fiscais para empresas que são grandes geradores de empregos. Entre elas uma desoneração patronal na contribuição ao INSS, provavelmente caindo de 20 para 15%.


Midiamax

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)