Cassilândia, Sábado, 30 de Maio de 2020

Últimas Notícias

29/01/2019 11:20

Governo federal expulsa 21 servidores em MS

Correio do Estado

 

Em todo o ano passado, 21 servidores públicos federais foram expulsos por irregularidades e atividades contrárias à lei em Mato Grosso do Sul, sendo 17 demissões de funcionários efetivos e quatro cassações de demissões. Dados constam em relatório divulgado hoje pela Controladoria-Geral da União (CGU).

Conforme a CGU, o principal motivo das expulsões no estado foi a prática de atos relacionados a corrupção, responsável por oito demissões. Abandono de cargo, inassiduidade ou acumução ilícita de cargos também motivaram expulsões de servidores.

Os dados não incluem empregados de empresas estatais, como Caixa Econômica, Correios e Petrobras.

O número é mais que o dobro do total de servidores expulsos pelos órgãos e autarquias da União em 2017, quando nove foram penalizados, entre demissões e cassação de aposentadoria.

Os servidores punidos ficam inelegíveis por oito anos, conforme determina a Lei da Ficha Limpa, e, dependendo do tipo de infração cometida, também podem ficar impedidos de voltar a exercer cargo público.

Em todos os casos, segundo a CGU, as condutas irregulares ficaram comprovadas após condução de Processo Administrativo Disciplinar (PAD), que garantiu aos envolvidos o direito à ampla defesa e ao contraditório.

Entre os estados, Mato Grosso do Sul é o décimo com maior número absoluto de servidores punidos. Em todo o Brasil, o governo federal expulsou 643 servidores públicos federais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 30 de Maio de 2020
Sexta, 29 de Maio de 2020
18:05
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)