Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

22/09/2007 08:11

Governo fará campanha para incentivar registro de armas

Lourenço Melo/ABr

Brasília - O governo fará uma campanha para estimular os cidadãos que possuem armas de fogo a fazerem o registro delas, anunciou ontem (21) o secretário de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça, Pedro Abramovay.

O texto da Medida Provisória 394/07, publicado no Diário Oficial da União, traz a prorrogação do prazo e redução no preço das taxas de registro. O valor não varia, independentemente do tipo da arma que for cadastrada. Para o porte, a Polícia Federal cobra taxa de R$ 1 mil, enquanto para o registro, até 31 de dezembro, o preço será de R$ 30; até 30 de abril, de R$ 45; e até o prazo final de recadastramento, 2 de julho de 2008, de R$ 60.

O secretário lembrou que a realização de um plebiscito permitiu o comércio de armas e "então o governo resolveu fazer o controle rígido".

Segundo ele, o número de registros feitos via internet subiu de 33 mil para 137 mil depois da publicação da Medida Provisória 379, que perdeu a validade. Os recursos arrecadados pela Polícia Federal com os registros e concessão de portes, acrescentou, destinam-se à manutenção do Sistema Nacional de Armas.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)