Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

01/07/2015 16:10

Governo estende, pela terceira vez, mandato dos diretores de escolas

Juliana Brum e Leonardo Rocha, Campo Grande News

Suspenso desde final de 2014, após dois cancelamentos, a eleição para escolher os novos diretores das escolas estaduais deve ocorrer até agosto deste ano. Nesta quarta-feira (30), o Governo prorrogou, mais uma vez, o mandato dos atuais dirigentes até o dia 1º do próximo mês.

Hoje (1) o projeto que altera as eleições para diretores nas escolas estaduais foi aprovado em primeira votação na Assembleia Legislativa do Mato Grosso do Sul, pelos deputados estaduais. As principais mudanças permitem a participação de servidor administrativo, mas que tenha curso superior em Pedagogia.

Prevista para outubro do ano passado, as eleições dos diretores foi adiada para abril deste ano pelo então governador André Puccinelli (PMDB). Neste ano, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) estendeu o prazo para o mês de julho deste ano. Hoje, portaria da secretária estadual de Educação, Maria Cecília da Motta, estendeu o mandato dos diretores até o dia 1º.

A votação do projeto atrasou porque os professores foram contra o fim da eleição direta em alguns estabelecimentos, como as escolas integrais e indígenas. O governador aceitou mudar o projeto e reencaminhou ontem ao legislativo.

"Politicamente não haverá grandes mudanças, abrirá novas vagas oportunizando uma gestão democrática que possibilitará que interessados supram as vagas. Não temos interesse em prorrogar ainda mais a data e acredito que até o final de agosto a eleição para diretores das escolas seja realizada" disse Maria Cecília.

Ficou decidido que os servidores administrativos da educação poderão concorrer ao cargo de diretor, basta que eles tenham curso de graduação em Pedagogia. Também haverá eleição direta nas escolas indígenas, integrais e Ceada (Centro Estadual de Atendimento ao Deficiente da Audiocomunicação), além de prever que alunos a partir do 8° ano poderão votar nas eleições.

O projeto que regulariza as eleições para diretores nas escolas estaduais deve ser votado até o final de agosto, segundo presidente da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), Roberto Botarelli.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)