Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

09/01/2005 09:10

Governo deve aumentar os recusros do Fundef

Agência Popular

O Ministério da Educação, por meio da Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC), estuda um aumento de 10% a 12% do valor mínimo do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef) para 2005. O valor mínimo anual por aluno ficará em torno de R$ 620,00, reafirmando o compromisso do governo em elevar o volume de recursos para a educação básica. A previsão para 2005 é repassar R$ 30,5 bilhões por meio do Fundef, dos quais R$ 700 milhões serão recursos da União.

Entre os anos de 2003 e 2004, houve um crescimento real de 15,1% no valor mínimo repassado anualmente por aluno da rede pública de ensino fundamental, contra queda de 2% verificada entre 1997 e 2002. O reajuste nominal dos valores – sem o desconto da inflação medida no período – soma 35% nos últimos dois anos.

Composto por 15% da arrecadação de quatro impostos, o Fundef repassou cerca de R$ 28,9 bilhões em 2004, dos quais R$ 560 milhões foram complementados pela União para os estados que não atingiram o valor mínimo determinado pela lei: Bahia, Maranhão, Piauí, Alagoas, Pará e Ceará. Pelo menos 60% dos recursos repassados pelo Fundef devem ser destinados à remuneração dos profissionais do magistério. O restante pode ser usado na melhoria das instalações escolares, pagamento dos demais profissionais da educação, compra de equipamentos, materiais didáticos, capacitação de professores, manutenção do transporte escolar e custeio em geral.

Os valores mínimos por aluno em vigor são R$ 564,62 para alunos de 1ª a 4ª série e R$ 592,86 para alunos de 5ª a 8ª série e educação especial.

Além do aumento no valor anual repassado por aluno do ensino fundamental, o governo vai estabelecer valores diferenciados para alunos das séries iniciais (contemplando os sistemas que ampliaram a duração do fundamental para nove anos), das séries finais e alunos especiais de acordo com a localização da escola, se rural ou urbana.

MEC

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)