Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

01/08/2006 10:14

Governo de MS leiloa 206 terrenos nesta quarta-feira

O governo de Mato Grosso do Sul, por meio da Secretaria de Estado de Gestão Pública (Seges), faz amanhã, a partir das 9 horas, no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, na Capital, o leilão público de 206 terrenos localizados em 29 municípios de Mato Grosso do Sul. Os imóveis, adjudicados por execução fiscal, estão descritos com os dados principais na edição de 6 de julho do Diário Oficial do Estado.

O leilão será por meio da modalidade de maior lance, permitindo a participação de pessoas físicas e jurídicas, desde que anteriormente credenciadas para a licitação. O credenciamento poderá ser feito através do preenchimento de um termo, cujo modelo consta no edital do processo. O termo de credenciamento deverá ser entregue e analisado pela comissão organizadora antes do início do leilão.

Não podem participar do leilão integrantes de qualquer setor da administração direta, autárquica ou fundacional, bem como integrantes da Comissão de Licitação. Também estão impedidos de participar da licitação pessoas físicas ou jurídicas que estejam cumprindo penalidades de suspenção temporária pela administração ou que sejam consideradas inidôneas em qualquer setor de governo. As propostas impedidas poderão ser desclassificadas em qualquer fase do processo licitatório.

Os lotes, avaliados por técnicos do governo, variam de R$ 900,00 a R$ 106 mil. Entre os imóveis há um terreno em Campo Grande, no bairro Carandá Bosque, avaliado em R$ 45 mil. É o mais caro da Capital. No momento da licitação serão apresentados laudos referentes à situação do imóvel, como detalhamento de dívidas de impostos (se houver) e suas condições físicas.

Serão admitidas propostas para pagamento à vista durante a licitação ou no arremate. Os lances serão ofertados verbalmente, respeitando o valor mínimo estabelecido. Nesse caso, o vencedor paga 5% do valor definido pelo imóvel no ato, a título de sinal, e 50% em 48 horas. O saldo restante deverá ser quitado em 10 dias úteis, devendo ser recolhido ao Tesouro do Estado.




Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)