Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

23/02/2005 15:09

Governo aumenta número de exames para identificar HIV

Mato Grosso do Sul é pioneiro na prevenção de contaminação por HIV (o vírus da Aids) em bebês. Isso porque o governo do Estado, através da Secretaria de Saúde, tem investido em exames que identificam se as gestantes são, ou não, portadoras do HIV. Desde o início do governo de Zeca do PT, o número de exames para identificar a presença do vírus aumentou em 7,661%, passando de 496 em 1999, para 38.496 em 2004. “Isso é uma conquista da cidadania”, disse Zeca, que hoje recebeu o secretário de Saúde, Matias Gonsales Soares, para fazer o acompanhamento da gestão da pasta.

Ano passado foram identificadas 115 mães portadoras do vírus. Em nenhum dos casos o bebê foi infectado. “Isso é possível, pois o governo oferece medicação para combater o vírus e assistência após o nascimento da criança, como leite. O que é fundamentais, pois o vírus pode ser transmitido pelo leite materno”, explica Rui Spinale, coordenador estadual de epidemiologia.

Outro indicador que mostra a melhoria da qualidade no atendimento à população é a taxa de mortalidade infantil que em 1999 era de 38 para cada mil nascidos vivos e em 2004 caiu para 17 a cada mil nascidos vivos.

De acordo com técnicos da Saúde, os indicadores sociais melhoraram devido a investimentos no Programa de Saúde da Família. Há seis anos o número de equipes no Estado era de apenas cinco hoje são 318 que, segundo Adriana Tobal, coordenadora estadual de Atenção Básica, cobre 48% de Mato Grosso do Sul. Para 2005 este número deve subir para 55% e, no próximo ano, 70% de cobertura.

Durante a reunião foi apresentada ao governador Zeca a redução do custeio no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul que, em números aproximados, reduziu de R$ 288 mil em dezembro de 2004 para R$ 222 mil em janeiros de 2005. A economia possível mesmo com o atendimento diário três vezes maior devido à crise na Santa Casa de Campo Grande.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)