Cassilândia, Sexta-feira, 30 de Outubro de 2020

Últimas Notícias

23/08/2020 11:30

Governo abre mais 15 leitos de UTI em Rondonópolis e Alta Floresta

Novos leitos estavam previstos no plano estratégico do Estado e são destinados ao atendimento de pacientes com a Covid-19

Governo de MT
Foto: IlustraçãoFoto: Ilustração

O Governo do Estado, por meio da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), pactuou novos 15 leitos de UTI adulto em Mato Grosso, sendo 5 leitos na Santa Casa de Rondonópolis e outros 10 no Hospital e Maternidade Santa Rita em Alta Floresta. A ampliação foi possível por meio da parceria entre o Estado e as prefeituras dos dois municípios.

Os 15 leitos entraram em funcionamento neste sábado (22.08) com o custeio exclusivo da gestão estadual, no valor mensal de R$ 2.000,00 a diária, até que os leitos sejam habilitados pelo Ministério da Saúde e passem a receber recursos também da União.

De acordo com o secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, os novos leitos são destinados ao atendimento de pacientes com a Covid-19. O incremento estava previsto no plano estratégico do Governo, que visa auxiliar os municípios na ampliação de leitos hospitalares para o combate ao coronavírus, de forma a não sobrecarregar a rede hospitalar.

“O Governo de Mato Grosso trabalha em parceria com as prefeituras para viabilizar, de forma célere e efetiva, novos leitos de UTI em todo o Estado. Essa ação disponibiliza a assistência hospitalar em pontos estratégicos e facilita o acesso a um leito de Terapia Intensiva pelo SUS. Hoje, já são mais de 400 leitos públicos de UTI disponíveis para o tratamento do coronavírus em âmbito estadual”, disse o gestor.

A secretária Executiva de Saúde, Danielle Carmona, enfatiza que, com mais esse incremento na área da saúde, o Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso passa a contar com 419 leitos de UTI para pacientes com a Covid-19.

“Cada novo leito assegura a estabilidade da estrutura hospitalar para o enfrentamento da pandemia, proporcionando o atendimento da população dentro do próprio Estado, sem precisar transferir pacientes para outras unidades da federação”, concluiu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 30 de Outubro de 2020
10:00
Receita do Dia
Quinta, 29 de Outubro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)