Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/01/2007 13:58

Governadores querem mais verba para Centro-Oeste

Graciliano Rocha / Campo Grande News

A crítica ao PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) deu o tom do encontro dos governadores do Centro-Oeste, em Brasília. A falta de investimentos específicos para a região motivou o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda (PFL), a considerar o Centro-Oeste como o "patinho feio" do PAC.

Por várias vezes, Arruda disse que enquanto são direcionados R$ 24 bilhões para a região, o PAC destina ao Sudeste R$ 130 bilhões. "É muito pouco frente ao potencial de crescimento do Centro-Oeste", disse o governador do PFL.

Segundo ele, os governadores querem "buscar uma fórmula que seja mais equilibrada". A intenção é convencer o governo federal a aumentar os recursos do PAC para os investimentos de infra-estrutura da região.

Durante o encontro, foi elaborado um documento dividido em duas partes. A primeira trata de questões específicas do Distrito Federal, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás. A segunda aborda as conseqüências do PAC para os estados brasileiros de forma geral.

Embora não tenham se restringido ao PAC no documento, os governadores pretendem ir além. André Puccinelli (PMDB), por exemplo, pretende fazer do movimento dos governadores uma plataforma para rediscutir o endividamento dos Estados, a liberação da caução da dívida com a União e a revisão da Lei Kandir, que desonera as exportações, fazendo os estados perderem receita.

Outro pleito dos governadores é a transferência de uma fatia da receita da CPMF (imposto sobre o cheque) e de mais recursos da Cide (Contribuição de Intervenção sobre o Domínio Econômico, que incide sobre o consumo dos combustíveis). Hoje, a União não repassa nada dos R$ 32 bilhões arrecadados por ano com a CPMF. Já no caso da Cide, os Estados recebem 25% da contribuição. (Com agências nacionais)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)