Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

29/11/2006 12:41

Governador quer "verticalização” dos cargos federais

Graciliano Rocha / Campo Grande News

O governador Zeca do PT defendeu hoje que os cargos do governo federal em Mato Grosso do Sul sejam indicados pelos partidos que ocuparão os respectivos ministérios.

“Se o PMDB ficar com os Transportes, deve nomear alguém pro DNIT; se o PT ficar com o Desenvolvimento Agrário, deve indicar o superintendente do Incra e assim por diante”, disse o governador na manhã desta quarta-feira.

Zeca elogiou a tentativa do presidente Luiz Inácio Lula da Silva de montar um governo dito de coalizão tendo o PMDB como principal parceiro para garantir uma base ampla de sustentação no Congresso Nacional. “Sempre defendi essa tese, o presidente precisa de paz para governar”, afirmou.

Zeca já deu adeus à pretensão de ser ministro do próximo governo – “acho que isso já está descartado” – e afirmou que não há nenhum convite formulado pelo presidente. O governador brincou com as especulações que ele seria convidado para ser embaixador no Paraguai:

“Já me perguntaram se vou ser embaixador no Paraguai, no Chile, no Uruguai. A última que me falaram é que eu seria secretário-geral do escritório do Mercosul [Montevideo], não tem nada disso, não tem convite”, disse.

Embora se diga atraído pela idéia de trabalhar com integração da América do Sul depois que deixar o cargo, o governador afirmou que não conversará com Lula sobre cargos. “Não vou pleitear nada, porque eu acho que amigo tem que ajudar e não atrapalhar”, disse.

O governador contou que recusou um convite para passar um final de semana com o presidente para evitar especulações. “Na quinta passada, a Marisa [mulher de Lula] ligou pra Gilda para convidar para passar o final de semana em Brasília. Pedi pra Gilda ligar para a Marisa dizendo que a gente não podia ir. Eu não quero em nenhum momento passar a idéia que eu fui lá para pedir alguma coisa pra mim. Vou aguardar tranqüilamente”, disse.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)