Cassilândia, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Últimas Notícias

13/03/2007 19:08

Golpe do falso sequestro: Caminhos do desespero

Portal do Governo do Estado de São Paulo

• Episódio 1: Um cidadão de São Paulo procura uma delegacia para lavrar boletim de ocorrência sobre golpe sofrido há 15 dias, quando havia pago o resgate para o bandido “soltar” seu filho. Detalhe: a vítima não tem filhos. Deu o dinheiro apenas para salvar a vida de alguém que não conhecia.

• Episódio 2: Duas situações semelhantes, publicadas com estardalhaço na imprensa. Em casos separados, duas senhoras, também de São Paulo, saem de casa rumo ao Rio de Janeiro para pagar o resgate de suposto seqüestro. Uma delas é encontrada pelo filho no aeroporto, antes de embarcar no avião. A outra chega ao seu destino.

• Episódio 3: Trrimmm! Um adolescente atende o telefone e os bandidos anunciam que sua mãe está em poder deles. Ordenam que o rapaz leve jóias da mãe a determinado local, onde alguém recebe o resgate e lhe diz que deve se hospedar num hotel por um dia inteiro e não se comunicar com ninguém. Sua mãe seria libertada no dia seguinte. Sem nada saber, a senhora volta de seu compromisso, depois da ligação do bandido, e não encontra o filho em casa. Desesperada, procura pelo jovem em todos os lugares possíveis, sem encontrá-lo. Na manhã seguinte, o garoto deixa o hotel e volta para casa.

• Episódio 4: Uma cabeleireira recebe ligação de um homem que exige crédito em celular, sob ameaça de incendiar ou roubar seu salão. Desesperada, liga para o marido, que deixa seu trabalho para socorrê-la. As negociações se sucedem por horas até que o marido perde a paciência, xinga o bandido e ainda lhe passa um sermão antes de desligar o telefone. Nada acontece.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)