Cassilândia, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

13/05/2008 18:54

Geraldo Resende: PPS apresenta alegações finais no TSE

TSE

O presidente do Partido Popular Socialista (PPS), Roberto Freire, apresentou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) as alegações finais na Petição (Pet 2759) em que o partido pede a decretação da perda de mandato eletivo do deputado federal Geraldo Resende (MS) que se desligou do PPS e ingressou no PMDB após o dia 27 de março de 2006.

O pedido tem por base a Resolução do TSE 22.610/07, que surgiu por força de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em apoio a entendimento tomado pelo TSE em 27 de março de 2007. O TSE definiu que os mandatos obtidos nas eleições, pelo sistema proporcional (deputados estaduais, federais e vereadores), pertencem aos partidos políticos ou às coligações e não aos candidatos eleitos.

Nas alegações finais, o presidente do PPS reafirma que não houve justa causa para a desfiliação de Geraldo Resende. Roberto Freire alega ainda que o parlamentar não conseguiu provar as alegações de que teria havido qualquer tipo de discriminação contra a sua pessoa ou efetiva mudança do ideário partidário do requerente.

O presidente do PPS recorre a depoimentos das próprias testemunhas do deputado sul-mato-grossense em sua argumentação. Freire salienta que o fato de o também deputado federal Ciro Gomes, testemunha do parlamentar, relatar suas supostas dificuldades no relacionamento com a direção nacional do partido não significa que Geraldo Resende também tenha passado pelos mesmos problemas.

Além disso, Roberto Freire sustenta que a mudança de postura do PPS em relação ao Governo Federal não caracteriza mudança no ideário partidário, ao contrário do que foi alegado por Geraldo Resende. Freire salienta ainda que não se pode confundir questões conjunturais econômicas e fiscais com princípios ideológicos e programáticos.

Finalizando, o presidente do partido reitera o pedido contido na petição inicial para que seja decretada a perda de mandato de Geraldo Resende e, ainda, que seja determinada à Mesa da Câmara dos Deputados que dê posse à suplente Mara Eulália Carrara da Silva (PPS-MS) no mandato de deputada federal.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
09:09
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)