Cassilândia, Quarta-feira, 16 de Outubro de 2019

Últimas Notícias

21/09/2019 15:00

Fundação Procon-SP fiscaliza preços em postos de combustíveis no Estado

Governo de SP

Equipes de fiscalização da Fundação Procon-SP, ligada à Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado, executaram nesta sexta-feira (20) uma operação para fiscalizar postos de combustíveis e verificar se os estabelecimentos estão praticando eventuais aumentos abusivos dos preços e repassando-os ao consumidor.

Recentemente, a Petrobrás anunciou aumento no preço dos combustíveis, medida que, segundo entidades do setor, já chegou aos postos da capital. A estatal subiu em 4,2% o preço médio do diesel nas refinarias e em 3,5% o da gasolina, após ataques a instalações de uma petroleira da Arábia Saudita levarem ao aumento do preço do petróleo no mercado internacional.

Legislação

O diretor executivo do Procon-SP, Fernando Capez, ressalta que o Código de Defesa do Consumidor tipifica, no Art. 39, inciso X, que elevar sem justa causa o preço de produtos ou serviços é caracterizado como prática abusiva.

Para comparar o preço praticado pelo posto em 13 e 20 de setembro, equipes do Procon-SP solicitarão cupons fiscais de venda ao consumidor dos combustíveis comum e diesel (S10 e S500).

Caso seja verificado aumento abusivo, serão solicitadas notas fiscais de compra de combustíveis e cupons de venda ao consumidor anteriores a 3 de setembro (inclusive no dia 13 deste mês) e também posteriores ao dia 17 (inclusive em 17 de setembro).

O estabelecimento que apresentar irregularidades será notificado e responderá processo administrativo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 16 de Outubro de 2019
Terça, 15 de Outubro de 2019
09:00
Santo do Dia
Segunda, 14 de Outubro de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)