Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

08/12/2007 08:11

Fraude suspende concurso da PRF deste final de semana

Humberto Marques - Campo Grande News

A Polícia Rodoviária Federal suspendeu a realização do concurso público agendado para este final de semana, para preenchimento de 340 vagas nos Estados de Mato Grosso e Pará. A medida foi tomada por recomendação da procuradora da República Ana Paula Ribeiro Rodrigues, mediante denúncia de que o exame – sob responsabilidade da UFRJ – estaria sendo vendido.

Cópias da prova foram encaminhadas à Procuradoria da República de São João de Meriti/RJ e à Corregedoria-geral do Departamento de Polícia Rodoviária Federal em Brasília. A Coordenação de Inteligência da DPRF analisou a denúncia com o Ministério Público e um representante da UFRJ, constatando que a denúncia era verdadeira, levando assim à suspensão imediata do concurso. As inscrições feitas serão mantidas, e uma nova data será definida para a aplicação das provas.

Prisão – Conforme o G1, uma pessoa foi presa em São João de Meriti em flagrante nesta noite, suspeita de vender a prova com as questões resolvidas. O gabarito era vendido por até R$ 40 mil. A PRF ressaltou que o exame já havia sido vendido a diversos candidatos, uma vez que o autor procurava suspeitos em cursos e faculdade. O acusado foi encontrado por meio de denúncias.

As provas fraudadas fariam parte do último concurso da PRF a exigir dos candidatos o Nível Médio. A partir da próxima seleção, será exigido Nível Superior. As autoridades informaram que 120 mil candidatos haviam se inscrito para o exame.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)