Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

29/04/2004 16:44

Força Sindical critica novo mínimo e cobra promessa

Agência Brasil

A Força Sindical, segunda maior central sindical do país, criticou em nota assinada pelo seu presidente, Paulo Pereira da Silva, o novo salário mínimo de R$ 260. A central sindical cobrou "sensibilidade e respeito com os trabalhadores" e exigiu um aumento do mínimo para R$ 320. A integra da nota:

"A Força Sindical exige que o governo federal aumente o valor do salário mínimo para R$ 320. Nós defendemos este aumento porque esta é a única forma de o governo cumprir uma das promessas da campanha eleitoral, quando o então candidato Lula se comprometeu publicamente a dobrar o valor real do salário mínimo em 4 anos (na época, era de R$ 200). Para isso, o governo deve promover já neste ano um aumento de 33% no valor do salário mínimo. Apenas para dobrar o valor nominal do salário mínimo (desprezando a inflação do período), o governo precisaria promover um reajuste de 24,39% neste e nos próximos dois anos. Para que o aumento seja real, é imprescindível que o reajuste leve em consideração também a inflação anual - o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) do IBGE, por exemplo. Os 33% equivalem, portanto, à soma do INPC acumulado de abril de 2003 até o mesmo mês de 2004, de 6,93%, com os 24,39%. O governo precisa ter sensibilidade e respeito com os trabalhadores. Um aumento digno para o mínimo é uma boa maneira de promover a distribuição de renda no país."

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)