Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/12/2007 20:07

Foragido, ex-prefeito de Rosana é preso em Anaurilândia

Humberto Marques/Campo Grande News

A Polícia Civil de Anaurilândia prendeu por volta das 15h30 desta quarta-feira (12 de dezembro) o ex-prefeito de Rosana/SP, Jurandir Pinheiro (o "Jura"). A ação foi comandada pelo delegado Juvenal Laurentino Martins, após receber solicitação das autoridades paulista para realizar buscas ao ex-prefeito, até então considerado foragido. Pinheiro é acusado de participação no esquema de corrupção em Rosana, envolvendo fraudes em licitações pública a partir de recursos de indenizações da Cesp – que teriam chegado a R$ 50 milhões.

Pinheiro foi encontrado na fazenda Novo Oeste, em uma área distante da sede do município. No momento da prisão, ele estava dormindo. A propriedade pertence a um amigo do ex-prefeito, que não ofereceu resistência à prisão. “A Polícia de São Paulo nos pediu apoio, pois tinham a informação de que ele estava em uma fazenda de Anaurilândia, que seria de sua propriedade”, explicou o delegado.

O pedido foi realizado no domingo (9), quando tiveram início as diligências e investigações, realizadas pelas autoridades em Anaurilândia. Nesta tarde, os policiais foram até a zona rural, investigar áreas rurais que pertenciam a amigos de Pinheiro, quando ele foi encontrado.

“Ele chegou entre quinta e sexta-feira da semana passada a Mato Grosso do Sul, sendo deixado por um cunhado na fazenda, que retornou e dormiu ontem no local e nesta manhã foi embora”, disse o delegado Martins, explicando o motivo de não serem encontrados veículos na propriedade. O ex-prefeito dormia na casa do caseiro, que desconhecia a situação.

Pinheiro foi encaminhado à Presidente Venceslau/SP, de onde deverá ser levado à cadeia pública de Dracena/SP.

Esquema – A prisão do ex-prefeito fez parte da operação “Mexilhão Dourado”, que cumpriu 47 dos 51 mandados de prisão expedidos. Dentre os presos, estavam seis dos nove vereadores de Rosana. Os envolvidos são acusados de participar do desvio de recursos vindos de indenizações da Cesp para Rosana (cidade separada de Anaurilândia apenas pelo rio Paraná). Dois filhos do ex-prefeito também foram acusados de participação, e o suposto mandante da quadrilha, o empresário Rogério de Souza Phelipe, está foragido. Dois mandados foram cumpridos em Campo Grande.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)