Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

04/11/2005 15:49

Fiscalização da Piracema terá posto em Costa Rica

A PMA (Polícia Militar Ambiental) inicia hoje o esquema especial de fiscalização durante o período da Piracema, em rios e nascentes de Mato Grosso do Sul. O esquema, segundo a assessoria do órgão, terá início com a montagem de 15 postos avançados fixos nas principais cachoeiras e corredeiras do Estado e da União.

Os pontos escolhidos são considerados cruciais, porque, com a chegada dos cardumes, tais locais são escolhidos por pescadores para a retirada de grandes quantidades de peixes.

A expectativa é de que tal forma de atuação permita economia de recursos humanos e materiais. Cada ponto deve contar com três policiais ambientais, munidos de barcos e motores para efetuar a fiscalização nas imediações e monitorar os cardumes, sendo que um policial sempre estará fixo na cachoeira ou corredeira.

O efetivo da PMA para este ano é formado por 350 homens. Durante a Piracema, estará proibida a pesca profissional e amadora nos rios do Estado, proibição que estará em vigor até 31 de janeiro de 2006. Entre os dias 1° e 28 de fevereiro do próximo ano, será permitida a pesca na modalidade pesque-e-solte, exceto nas cabeceiras. A "reabertura dos rios" deve ocorrer no dia 1° de março de 2006.

Foram escolhidos como locais para montagem os postos às cachoeiras dos rios Apa (Porto Murtinho), Branca (do rio Verde, em Água Clara), Sossego (rio Aquidauana, em Rochedo), Anhanduí (Santa Rita do Pardo), Morcego e Serrano (rio Aquidauana, em Aquidauana), e Palmeiras (rio Taquari, em Coxim); além da barra do rio Aquidauana com o rio Miranda (Miranda), nos postos do Nabileque e Albuquerque (rio Paraguai, em Corumbá); no Parque Estadual das Várzeas do Ivinhema (em Jateí); nas usinas de Mimoso (rio Pardo, em Ribas do Rio Pardo) e Engenheiro Sérgio Mota (rio Paraná, em Batayporã); cachoeira do Salto Pirapó (rio Amambai, em Juti); e no posto do rio Sucuriú (Costa Rica).
Fonte: campograndenews

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)