Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

17/03/2004 16:44

Fiscais federais começam a auditar o Sisbov

Mapa Imprensa

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) começará nos próximos dias a realizar auditorias para verificar se as normas de implantação do Sistema de Brasileiro de Identificação e Certificação de Origem Bovina e Bubalina (Sisbov) estão sendo seguidas corretamente. Para tanto, o Mapa está treinando 22 fiscais federais que promoverão auditorias de conformidade do Sisbov.

“Eles vão auditar o sistema em todo o país”, adianta a coordenadora do Sisbov, Denise Euclydes Mariano. Segundo ela, os auditores visitarão propriedades rurais, frigoríficos e certificadoras para conferir como está a implantação do Sisbov. “Vamos ter um calendário mensal de auditorias.” O treinamento dos fiscais, iniciado na última segunda-feira, termina na próxima sexta-feira (20/03).

O Sisbov permite identificar e rastrear a origem do animal, criando as condições para a certificação do rebanho bovino brasileiro. Hoje, segundo a coordenadora, cerca de 14 milhões de cabeças de gado estão cadastradas no Sisbov. Atualmente, o rastreamento é uma exigência do mercado internacional para importar carne de gado. Maior exportador do produto em 2003, com faturamento de US$ 1,5 bilhão, o Brasil está implantando o sistema para reforçar a atuação no comércio exterior.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)