Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/05/2016 09:00

Filosofias de criação: rotina definida pelos pais

BabyCenter

Não existe nenhuma obrigatoriedade de criar uma rotina para o bebê. Tudo vai depender do seu temperamento, do modo como sua casa funciona e da sua personalidade como mãe (ou pai). Os tipos de rotinas apresentados pelo BabyCenter são filosofias diferentes de criação, e cabe somente a você escolher uma delas ou não adotar nenhuma.

O que são as rotinas definidas pelos pais?

As rotinas definidas pelos pais são aquelas em que os pais impõem a agenda do dia do bebê, com horários bem específicos para a alimentação, brincadeiras e sonecas. Os pais que escolhem este tipo de rotina raramente permitem que o bebê saia dos horários.

Muitos acreditam que planejar os horários das atividades do bebê e seguir à risca a rotina estabelecida ajuda a criança a regular seu relógio biológico e cria a estrutura que ela precisa para um desenvolvimento saudável.

Qual é a lógica por trás das rotinas definidas pelos pais?

Os especialistas que recomendam as rotinas definidas pelos pais dizem que elas foram criadas após anos de observações dos ritmos naturais dos bebês, e que são adequadas ao desenvolvimento do bebê durante várias etapas de crescimento.

Quando o dia a dia do bebê é totalmente estruturado e previsível, dizem os que defendem este tipo de rotina, o bebê logo adota padrões regulares de atividade, e passa a dormir a noite toda mais cedo.

Os defensores desse tipo de rotina dizem que, na verdade, são um meio-termo entre aquelas recomendações antigas e super rígidas, que só permitiam alimentar o bebê de quatro em quatro horas, e as recomendações de hoje em dia, em que os pais devem alimentar o bebê sob livre demanda.

Para os adeptos da rotina rígida, alimentar o bebê em livre demanda é problemático porque pais e mães inexperientes podem interpretar qualquer chorinho do bebê como sinal de fome, em vez de procurar outras possíveis causas para o desconforto.

O resultado, segundo eles, é uma rotina exaustiva em que os pais alimentam constantemente o bebê, e que acaba se prolongando muito além das primeiras semanas de vida.

No fim, afirmam os defensores da rotina rígida, ao ser amamentado a toda hora, o bebê acaba sempre "beliscando" em vez de mamar de verdade, não só mamando mal, mas deixando de receber o leite do final da mamada, que é muito mais rico em gordura e deixa o bebê mais satisfeito. (Observação: os que defendem as rotinas definidas pelo bebê dizem exatamente o contrário.)

Para os autores que defendem a rotina rígida, se amamentado a toda hora o bebê também poderia dormir menos, porque acorda mais seguido para mamar, e a mãe, exausta, pode acabar desistindo de amamentar.

Outra preocupação deles é que o bebê que só é alimentado quando "pede" poderia não mamar o suficiente, porque os mais dorminhocos não acordam sozinhos para mamar.

Deixar chorar

As diretrizes da rotina rígida dizem também que os pais devem estabelecer os horários de sono do bebê. Você segue um método específico para decidir quando o bebê deve dormir e o coloca na cama ainda acordado para que ele aprenda a adormecer sem ajuda. Nesse método, as sonecas diurnas não são opcionais, mas sim obrigatórias. Quando chega a hora de dormir, os pais colocam o bebê na cama e pronto.

Esses especialistas aconselham evitar fazer o bebê dormir dando o peito ou ninando no colo. Segundo eles, o bebê precisa aprender a dormir sozinho. Eles recomendam que o bebê durma no seu próprio quarto, e não no quarto dos pais, embora alguns afirmem que você pode trazer o bebê para sua cama depois das 22h para facilitar as mamadas noturnas.

Por que as rotinas definidas pelos pais são polêmicas?

As principais organizações pediátricas são contra os horários rígidos de alimentação que esse tipo de filosofia prega. A recomendação da maioria dos profissionais de saúde hoje em dia é que o próprio bebê quem determine estes horários. Ou seja, o bebê deve ser alimentado sempre que mostrar sinais de fome: fica mais alerta ou ativo, chupa as mãozinhas ou vira a boquinha procurando o peito.

O choro é um "indicador tardio" da fome, dizem os pediatras. Além disso, a recomendação geral é que o recém-nascido mame de oito a 12 vezes cada 24 horas, e não fique mais de 4 horas sem mamar, mesmo que os pais tenham que acordá-lo.

É seguro adotar uma rotina rígida?

Não há problema em adotar uma rotina rígida, desde que você dê prioridade ao bem-estar do bebê. Nas primeiras semanas, é importante estabelecer um padrão de alimentação que garanta o aumento de peso do bebê, e uma rotina rígida demais poderia aumentar o risco de uma desidratação ou de um ganho insuficiente de peso. Por isso, se seu filho está dando sinais de fome, nunca atrase a alimentação do bebê simplesmente porque "ainda não está na hora".

Se você seguir esse conselho, junto com as recomendações do pediatra e usando seu próprio instinto e o bom senso em relação às necessidades do bebê, uma rotina rígida pode funcionar para sua família.

Como fazer para adotar uma rotina rígida

O principal é estabelecer um horário. Os especialistas que defendem esse método dizem que isto deve ser feito muito cedo, ainda nos primeiros dias de vida do bebê. A partir daí, os pais devem seguir religiosamente a rotina, todos os dias, até que ela "pegue".

Tudo na vida do bebê terá um horário pré-determinado: acordar, dormir, mamar, brincar, tomar banho, ir para a cama, e assim por diante. A rotina vai mudando à medida que o bebê cresce, mas é sempre bem específica.

Uma das maiores promotoras da rotina rígida é a escocesa Gina Ford, muito influente no Reino Unido, com seu livro "The contented little baby" ("O livro do bebê feliz", disponível em português pela editora portuguesa Bertrand).

Ford recomenda que os pais não se desviem nem meia hora dos horários estabelecidos: "Você não precisa seguir rigorosamente os horários, mas uma variação de meia hora pode afetar o resto do dia do bebê, e, inclusive, a noite", afirma.

Ela defende horários de alimentação bem controlados desde o início, dizendo que ajudam o bebê a começar a dormir a noite toda mais cedo. Segundo ela, até os recém-nascidos podem entrar na rotina e mamar de três em três horas (contadas do início de uma mamada até o início da próxima), desde que sejam saudáveis e tenham nascido com mais de 2,700 kg.

Para o final da segunda semana após o nascimento, Ford acredita que os bebês precisam mamar apenas uma vez no meio da noite (entre meia-noite e 6h), desde que estejam se alimentando bem durante o dia, fazendo a última mamada entre as 22h e as 23h, e que tenham nascido com pelo menos 3,175 kg. Outro grande defensor das rotinas definidas pelos pais, Gary Ezzo, autor do livro "Nana nenê: Como cuidar do seu bebê para que ele durma a noite toda de forma natural" (editora Mundo Cristão), relativizou suas orientações com relação aos horários de alimentação, defendendo as rotinas mistas nesse aspecto.

O conselho de Ezzo para criar uma rotina de alimentação é ignorar o relógio durante os primeiros 7 a 10 dias de vida do bebê e se preocupar mais com que o bebê faça uma "refeição completa" cada vez que mama. Se você fizer isso, garante Ezzo, o bebê entrará naturalmente em um ritmo de alimentação a cada duas e meia a três horas (contadas do início de uma mamada ao início da próxima). Hoje ele recomenda que os pais priorizem sempre os sinais de fome do bebê.

Assim como Tracy Hogg, a "Encantadora de bebês" (quem defende as rotinas mistas), Ezzo recomenda acostumar o bebê a uma rotina consistente de alimentação, seguida de um tempinho acordado e depois de uma soneca -- sempre nessa ordem.

Vantagens das rotinas definidas pelos pais

A rotina rígida impõe uma certa ordem e ritmo que acalma e dá segurança ao bebê, assim como aos pais e cuidadores. Para os pais de primeira viagem, as rotinas definidas pelos pais oferecem a promessa de que o bebê dormirá, comerá e brincará o suficiente, e seus pais terão horários previsíveis de sono e descanso.

Os defensores da rotina estruturada também afirmam que o bebê tem mais chances de dormir a noite toda mais cedo.

Desvantagens das rotinas definidas pelos pais

Os horários rigorosos das rotinas rígidas às vezes amarram demais para os pais. Para que o bebê durma no berço várias vezes ao dia e siga horários religiosos de sono e atividades, você vai precisar passar a maior parte do tempo perto de casa.

As rotinas definidas pelos pais também são complicadas para quem tem filhos mais velhos, já que tudo gira em torno da rotina do bebê. Além disso, se o bebê está acostumado a fazer as mesmas coisas todos os dias, no mesmo lugar e na mesma hora, isso pode ser problemático quando, por algum motivo, você precisar mudar a rotina -- você vai viajar ou seu filho vai começar a frequentar a creche.

A autora Gina Ford recomenda usar cortinas tipo blackout no quarto do bebê para criar um ambiente completamente escuro, melhorar o sono noturno e evitar que o bebê acorde cedo demais. O problema é que um bebê acostumado a dormir na escuridão total terá dificuldade para dormir em locais sem essas condições ideais.

Outro problema bem mais sério é o fato de que, ao seguir uma rotina rígida demais, os pais podem deixar de prestar atenção às necessidades individuais do bebê. "Obedecer à rotina" não deve nunca se antepor à saúde e o bem-estar do bebê.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)