Cassilândia, Terça-feira, 25 de Abril de 2017

Últimas Notícias

09/03/2012 16:29

Fifa cancela visita de Valcke ao Brasil até que Dilma receba o presidente Blatter

Carolina Pimentel, Agência Brasil

Brasília – A Federação Internacional de Futebol (Fifa) cancelou a visita que o secretário-geral Jérôme Valcke faria ao Brasil na semana que vem. Em comunicado oficial, a federação informou que a visita ocorrerá somente após um encontro do presidente da Fifa, Joseph Blatter, com a presidenta Dilma Rousseff. Blatter encaminhou hoje (9) uma carta à presidenta para marcar a data da reunião.

As visitas de Valcke a Recife, Brasília e Cuiabá, sedes da Copa do Mundo de 2014, agendadas para semana que vem, foram suspensas.

“O presidente da Fifa, Joseph S. Blatter, escreveu pessoalmente hoje uma carta à presidenta do Brasil, Dilma Rousseff, com o objetivo de marcar uma data para a reunião acordada. Tal ato dá sequência à confirmação da reunião feita pelo ministro do Esporte em sua carta de ontem. Consequentemente, a segunda parte da visita da Fifa e do COL [Comitê Organizador Local] às sedes de Recife, Brasília e Cuiabá, liderada pelo secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, por Ronaldo e por Bebeto, inicialmente marcada para a próxima semana, agora será reagendada para após o encontro com a presidenta Dilma Rousseff”, informou o comunicado publicado na página oficial da Fifa na internet.

O adiamento é consequência da crise que se estabeleceu nas relações entre o governo brasileiro e a Fifa por causa das declarações de Jérôme Valcke. O executivo disse que, diante dos atrasos na votação da Lei Geral da Copa e de algumas obras de infraestrutura, o Brasil parecia estar mais preocupado em ganhar a competição do que em organizá-la. Disse ainda que o país precisava de “um chute no traseiro”, de acordo com interpretação do Ministério do Esporte. Para Valcke, a frase, traduzida do francês, significava apenas que o país precisava de um \"empurrão\".

As declarações irritaram o governo e parlamentares. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, anunciou que não aceitava mais discutir assuntos relativos à Copa com Valcke. O secretário-geral da Fifa pediu desculpas ao governo brasileiro e alegou que foi mal interpretado. Rebelo informou ontem (8) que aceitou o pedido de desculpas, mas ainda não esclareceu se o Brasil vai aceitar Valcke como interlocutor da Fifa.

Edição: Vinicius Doria

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 23 de Abril de 2017
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)