Cassilândia, Quinta-feira, 19 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

06/12/2004 15:20

"Ficamos só com ônus de ser governo”, diz Moka

Fabiana Silvestre / Campo Grande News

O presidente regional do PMDB em Mato Grosso do Sul, deputado federal Waldemir Moka, reafirmou nesta segunda-feira a decisão do partido, em âmbito estadual, de defender o rompimento com o Governo Federal e a entrega dos dois ministérios hoje ocupados pelos peemedebistas – Previdência Social e Comunicações.
“Do ponto de vista partidário, ficamos só com o ônus de ser governo. Onde o PT pôde, ele só massacrou o PMDB”, disse em entrevista ao programa de rádio Noticidade, da FM Cidade.
Para o deputado, o PMDB deve ficar fora do governo para ter mais independência na votação de projetos que considere prioritários para o país. “Sem a obrigatoriedade de votar com o governo porque estamos na base”, afirmou no último sábado (4), em reunião entre os líderes do partido no diretório estadual. Na ocasião, o prefeito de Campo Grande, André Puccinelli (PMDB), disse que considera a saída do governo “inevitável”.
Nesta segunda-feira, o PMDB paulista aprovou por unanimidade a proposta que prevê a saída do partido da base aliada do governo, segundo informou há pouco a Agência Brasil. Os membros da legenda também aprovaram a saída dos membros da equipe do governo Lula e a mudança da sigla para o antigo MDB. A decisão será encaminhada à Convenção Nacional do partido que decidirá o assunto, marcada para o próximo dia 12, em Brasília. O senador Ramez Tebet representará Mato Grosso do Sul no evento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 18 de Outubro de 2017
10:40
Goiás, Distrito Federal e São Paulo
10:00
Receita do dia
Terça, 17 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)