Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

06/12/2004 15:20

"Ficamos só com ônus de ser governo”, diz Moka

Fabiana Silvestre / Campo Grande News

O presidente regional do PMDB em Mato Grosso do Sul, deputado federal Waldemir Moka, reafirmou nesta segunda-feira a decisão do partido, em âmbito estadual, de defender o rompimento com o Governo Federal e a entrega dos dois ministérios hoje ocupados pelos peemedebistas – Previdência Social e Comunicações.
“Do ponto de vista partidário, ficamos só com o ônus de ser governo. Onde o PT pôde, ele só massacrou o PMDB”, disse em entrevista ao programa de rádio Noticidade, da FM Cidade.
Para o deputado, o PMDB deve ficar fora do governo para ter mais independência na votação de projetos que considere prioritários para o país. “Sem a obrigatoriedade de votar com o governo porque estamos na base”, afirmou no último sábado (4), em reunião entre os líderes do partido no diretório estadual. Na ocasião, o prefeito de Campo Grande, André Puccinelli (PMDB), disse que considera a saída do governo “inevitável”.
Nesta segunda-feira, o PMDB paulista aprovou por unanimidade a proposta que prevê a saída do partido da base aliada do governo, segundo informou há pouco a Agência Brasil. Os membros da legenda também aprovaram a saída dos membros da equipe do governo Lula e a mudança da sigla para o antigo MDB. A decisão será encaminhada à Convenção Nacional do partido que decidirá o assunto, marcada para o próximo dia 12, em Brasília. O senador Ramez Tebet representará Mato Grosso do Sul no evento.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)