Cassilândia, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

Últimas Notícias

09/11/2004 13:33

Fertilização in Vitro será tema de palestra

FamasulNoticías

Pioneira na FIV (Fertilização in Vitro) de Bezerros em Mato Grosso do Sul, a Vitrogen promove no dia 16 de novembro palestra abordando o assunto, dentro da programação da Expoinel MS, em Campo Grande. O evento será às 19 horas no auditório do Parque de Exposições Laucídio Coelho. Quem fala é o supervisor técnico da empresa, Márcio Leão Ferraz. “Quero apresentar alguns aspectos técnicos e comerciais dessa biotecnologia. Na verdade para a região de Campo Grande não existe mais uma grande desconfiança, porque a técnica já é trabalhada há bastante tempo no mercado, mas é sempre bom falar sobre o assunto porque se existirem mitos podemos elucidar”, explica. O crescimento que a Vitrogen vem registrado anualmente na Capital da Pecuária tem sido de 100% segundo a direção da empresa. Segunda das sete cidades que receberam unidades da Vitrogen, Campo Grande é a que tem os números mais expressivos. “Em todo o Brasil a FIV tem crescido fantasticamente. O País é o maior produtor de embriões de bezerros através da Fertilização in Vitro”, afirma Ferraz. O grande receio que ainda permeia o setor produtivo, afirma, são os custos, em função da receptora e não da técnica, mas o veterinário afirma que é preciso ver como investimento e não gasto. A relação de custo e benefício depende muito do produto, mas já é vantajosa para animais avaliados em R$ 3 mil a R$ 4 mil. O custo por fêmea aspirada é de R$ 340,00 e de R$ 85,00 por embrião, o que significa uma média de R$ 450,00 a R$ 500,00 por prenhez. O custo em dólar barateou em seis vezes nos últimos cinco anos , de US$ 600,00 a cerca de US$ 160,00. Não foi só essa a evolução apresentada. “No começo suávamos bastante para ter um índice de prenhez de 30% e hoje estamos trabalhando acima de 40% de taxa de prenhez, na média anual, contando perdas. Na época das águas receptoras muitos boas chegam até a 50%”, afirma. Mundialmente está entre os melhores índices. Além de abordar a técnica, Ferraz vai falar em sua palestra sobre o que classifica de “cenas dos próximos capítulos”, ou seja, as tecnologias que estão por vir e as que estão próximas de se tornarem mais acessíveis aos produtores. A clonagem já é uma realidade, assim como uso de marcadores de DNA para testes de pureza racial e trabalhos desenvolvidos na área de trangenia. “Nos últimos anos experimentamos uma evolução muito grande nas técnicas de reprodução, começando pela Inseminação Artificial”, avalia o veterinário. No caso da clonagem, segundo a Vitrogen, o custo do procedimento é elevado, de R$ 66 mil e o criador recebe três clones. A técnica, explica o diretor André Dayan, ainda não é totalmente dominada, mas já está controlada. As perdas a serem computadas são muitas, mas o grupo de tentativas grande. Das prenhezes confirmadas 50% se perdem até o nascimento e do total que resta, outras 50% no momento do nascimento, o que significa que somente 25% nascem vivos e saudáveis. Dos animais, 20% podem apresentar sintomas precoces de animais mais velhos o que ocorre entre 5 a 10 anos de vida, quando a produção do bovino já é considerável. A grande vantagem da técnica é a possibilidade de reeditar animais consagrados e de grande valor de mercado.


Autor:
Divulgação

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 26 de Junho de 2017
Domingo, 25 de Junho de 2017
15:50
Cassilândia
Sábado, 24 de Junho de 2017
23:07
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)