Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

09/04/2010 14:40

Feijão carioca e tomate foram os vilões da inflação semanal

Agência Brasil

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) subiu na primeira semana de abril em cinco das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas, segundo dados divulgados hoje (9).

O economista André Braz, que coordena a pesquisa, explicou que o aumento dos preços dos alimentos, principalmente in natura, foi o grande responsável pelo resultado e listou o feijão carioca, com alta superior a 20%, e o tomate, com reajuste de até 60%, como os vilões.

Em Porto Alegre (1,24%), Recife (1,67%) e Rio de Janeiro (1,08%) a taxa passou de 1%. Apesar da alta na capital fluminense, o índice ficou abaixo do registrado na última semana de março (1,10%).

Salvador (0,83%), São Paulo (0,90%) e Brasília (0,47%) também registraram alta nos preços, enquanto em Belo Horizonte (0,67%) a inflação foi menor, na comparação com a última semana de março.]

Braz lembrou que os alimentos in natura sofrem a influência das variações climáticas. “Não só com as fortes chuvas ou o calor intenso, mas com toda a sorte de problemas que vêm a seguir, como a proliferação de fungos e bactérias, diminuindo, assim, a oferta dos produtos e promovendo aumento de preços em curto prazo”.

Para o economista, as próximas medições do índice, ainda neste mês, devem detectar recuo nos preços dos alimentos, em função do clima mais ameno de outono. Ele estimou que até o final do mês o IPC-S deve chegar à metade do patamar atual, pois a expectativa de pressão é apenas do reajuste dos preços dos medicamentos, autorizado pelo governo desde 31 de março.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)