Cassilândia, Terça-feira, 11 de Dezembro de 2018

Últimas Notícias

24/01/2008 06:47

Febre amarela: Entenda o ciclo da doença

Agência do Rádio

No Brasil, o vírus da febre amarela circula nas áreas silvestres, de matas e florestas. A cada seis anos, é normal existirem surtos da doença entre os macacos, devido ao fim do período em que os animais contaminados ainda estão sob a proteção dos anticorpos transmitidos pela mãe. O secretário nacional de Vigilância em Saúde, Gérson Penna, dá mais detalhes sobre o assunto.

"A febre amarela urbana foi banida do País em 1942, desde então não se tem casos. O que temos nos últimos 12 anos, e é natural, decorrente do ciclo de nascimentos de macacos, é o aparecimento de casos de febre amarela silvestre, numa média de 30 casos por ano nos últimos 12 anos."

O secretário garante que todas as medidas possíveis para evitar a febre amarela urbana já foram realizadas.

"Todas as medidas que o ministério da saúde tomou, todas, foram revisadas e foram confirmadas por oito instituições e os dezesseis maiores especialistas no Brasil que já se posicionaram, vários deles na imprensa inclusive."

Todos os casos de febre amarela ocorridos neste ano, segundo o Ministério da Saúde, foram de pessoas que entraram em áreas silvestres sem estarem imunizadas. Para se proteger contra a febre amarela, a vacinação é o método mais seguro. A dose da vacina tem validade por 10 anos. O ministério não indica a revacinação antes desse período.

De Brasília, Marcelo Brito

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 11 de Dezembro de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Segunda, 10 de Dezembro de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 09 de Dezembro de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)