Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/01/2016 06:10

Febre aftosa: Mato Grosso do Sul imunizou 99,4% do rebanho

Midiamax

Mato Grosso do Sul imunizou 99,4% do rebanho na última campanha de vacinação contra febre aftosa de 2015, segundo dados Sepaf (Secretaria de Estado de Produção e Agricultura Familiar) através da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal).

Foram imunizados na última etapa mais de 10 milhões de bovinos do Estado. "O pecuarista sul-mato-grossense fez o dever de casa ao longo dos últimos anos e a consequência disso são dez anos sem nenhum foco da febre aftosa em nosso Estado e um status de livre da doença com vacinação que deve ser mantido", afirma a diretora-secretária do Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS), Terezinha Cândido.

O status concedido pela OIE (Organização Internacional de Saúde Animal) permite que Mato Grosso do Sul se mantenha como fornecedor de carne bovina a outros países e abre portas para mercados exigentes, como os países da União Europeia, Chile, entre outros.

O aumento do nível sanitário amplia a distribuição de carne bovina para o mercado internacional.

Na última década, vários países aumentaram as importações do Estado. Em 2005 o Egito, por exemplo, era destino de 9,6% da carne bovina e em 2015 foi 16,7%. Hong Kong, unidade administrativa da China, passou de uma representação de 6,8% para 13%, terceiro maior comprador de carne bovina. Rússia mantém a liderança, com 21% das negociações do setor.

A próxima etapa de imunização está agendada para iniciar em abril deste ano, na região de Fronteira e no Planalto e Pantanal com início em maio.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)