Cassilândia, Sábado, 26 de Maio de 2018

Últimas Notícias

05/05/2008 17:25

Favoráveis a autonomia de Santa Cruz são 84% até agora

Agência Brasil

A Corte Departamental Eleitoral de Santa Cruz apurou, até o início da tarde de hoje (5), o resultado de quase 34% dos votos da consulta popular de ontem (4) sobre a autonomia em relação ao governo federal.

Segundo o vice-presidente da corte, Jose Ernesto Zambrana, o sim tem, até o momento, 184.165 (84,27%) dos votos. O não obteve 34.835 (15,73%). Os votos em branco já chegam a 2.982 (1,31%), enquanto os nulos são 5.680 (2,5%). Ao todo, já foram apurados os dados das urnas de 1.781 das 5,2 mil seções eleitorais.

De acordo com Zambrana, a abstenção foi de 35,32% e cerca de 40 mil pessoas (4% do eleitorado) não puderam votar “por causa dos conflitos” entre grupos partidários e contrários à aprovação do estatuto autonômico que concede ao governo local a competência para legislar sobre temas fundiários e econômicos, alem de decidir como serão gastos os recursos a que tem direito.

“Isso não é novidade. Este é um país que, normalmente, tem entre 18% e 25% de abstenção”, afirmou o presidente da corte, Mario Orlando Parada.

O partido do presidente Evo Morales, o Movimento ao Socialismo (MAS), no entanto, incentivou as pessoas contrárias à consulta a não votar, a fim de não legitimar o que classificaram com uma iniciativa “inconstitucional”. O próprio Conselho Nacional Eleitoral não reconheceu o processo.

A expectativa da corte é verificar 60% das urnas ainda hoje (5), e atingir entre 80% e 90% amanhã (6). “A partir daí, iremos mais lentamente”, afirmou Zambrana.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 26 de Maio de 2018
Sexta, 25 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Quinta, 24 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)