Cassilândia, Quinta-feira, 06 de Agosto de 2020

Últimas Notícias

23/06/2020 09:20

Família denuncia nome de parente morta há 4 anos em lista

Consta em atestado de óbito que mulher faleceu em 2016, vítima de crise hipertensiva grave

Midiamax
Família denuncia nome de parente morta há 4 anos em lista

A família de Maria da Aparecida Lima Patene procurou a reportagem do Jornal Midiamax para denunciar que ela faleceu há quatro anos, mas consta como beneficiária na lista do auxílio emergencial do Governo Federal em Japorã – distante 466 quilômetros de Campo Grande.

Conforme atestado de óbito encaminhado pela família, a mulher faleceu em agosto de 2016, vítima de crise hipertensiva grave.

Outro caso semelhante foi denunciado à reportagem. O pai falecido de um pré-candidato a prefeito de Nioaque constava na lista de beneficiários do município. Também houve caso de jovem assassinado em 2017, em Juti, que constava na lista do auxílio.

Divulgação das listas
Esses valores são as parcelas já disponibilizadas na conta dos beneficiários, não sendo possível afirmar se foi sacado. Se alguém tiver recebido de forma indevida, também pode usar o link para devolução voluntária.

Vale lembrar que as informações são todas oficiais, disponibilizadas pelo Portal da Transparência do Governo Federal, mantido pela Controladoria-Geral da União (CGU). O Ministério da Cidadania é responsável pela gestão e base de dados do programa assistencial criado por causa da pandemia do novo coronavírus, que causa Covid-19.

Midiamax incentiva o Controle Social
O Jornal Midiamax incentiva em Mato Grosso do Sul o ‘controle social’, que é a participação ativa da população no combate à corrupção com denúncias sobre suspeitas e fraudes no pagamento do Auxílio Emergencial.

Assim, no Portal da Transparência, você pode comunicar oficialmente ao Ministério da Cidadania com a ferramenta Fala.BR. Ou pode ainda indicar se alguém recebe um benefício indevidamente pelo link “Fique de Olho!”.

Achou suspeito? Avise os jornalistas do Midiamax:
No entanto, se quiser informar ao Midiamax sua suspeita, tenha certeza de que nossos jornalistas vão levantar os dados e levar às autoridades responsáveis com o máximo de responsabilidade e garantindo seu sigilo, que é protegido por lei.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 06 de Agosto de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Quarta, 05 de Agosto de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)