Cassilândia, Segunda-feira, 05 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

16/05/2014 14:57

Família de homem confundido com estuprador pede justiça

Correio do Estado

Hugo Neves Ferreira, de 45 anos, que morreu ontem (15), espancado por populares, depois de ter sido confundido com estuprador, no Jardim Aero Rancho, em Campo Grande (MS), está sendo velado em uma igreja evangélica, na Rua Graciliano Ramos. O sepultamento ocorrerá às 13h, no Cemitério Cruzeiro. Os familiares da vítima estão inconformados.

O pai, Bruno de Oliveira Ferreira, de 66 anos, pediu justiça e disse não saber como as pessoas agridem as outras sem ter certeza do que aconteceu. A mãe, Rosa Tacian Correia, 60, veio de Corumbá (MS) para o sepultamento. A esposa de Hugo contou que ele era um bom homem e trabalhava como pedreiro, mas ficava violento quando bebia e as brigas eram constantes. Ele deixa um filho de 18 anos que morava com a avó e duas filhas, de 8 e 12 anos, com a atual esposa.

O caso
Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima que mora nos fundos da casa do pai, estava bebendo e se desentendeu com a esposa. Após a discussão, ele pulou o muro de várias casas e teve a roupa rasgada em uma das grades. Ele ficou sem roupa, porém continuou andando nu pela rua.

Segundo o pai da vítima, Hugo voltou para casa com ferimentos na cabeça, tórax e demais regiões. Uma testemunha informou à polícia, que populares viram o homem nu e o agrediram por acharem que ele seria um estuprador. Hugo chegou a ser socorrido, porém não resistiu aos ferimentos e morreu.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)