Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/08/2005 13:56

Famasul se reúne com ministra do meio ambiente

Famasul Notícias

O presidente da Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), Leôncio de Souza Brito Filho, na última quarta-feira (04/08), de uma reunião com a Ministra do Meio Ambiente Marina Silva para discutir problemas que vêm tirando a tranqüilidade dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. A audiência foi agendada pelo presidente da Comissão Nacional do Meio Ambiente da CNA (Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil) Assuero Doca Veronez que esteve presente juntamente com o diretor do Ibama, Valdir Gabriel Ortega e coordenador do Instituto Parque do Pantanal, Paulo Guilherme Cabral.

De acordo com Léo Brito, a ministra mostrou-se sensibilizada ao ver os autos de infração expedidos pelo Ibama contra os produtores da Bacia do Taquari, região norte do Estado com valores que ultrapassam os preços das propriedades rurais. Somente em 10 guias apresentadas a ministra as multas somavam R$ 8 milhões. “A ministra sugeriu que Famasul, os Sindicatos Rurais, o Ibama e o Ministério Público Federal unam as forças e realizem uma ação pró-ativa, um plano piloto nos municípios envolvidos, para que os problemas de conservação de solo e outros do meio ambiente sejam resolvidos”, disse Brito. Sem efetividade nas soluções apresentadas pelo poder público a Famasul e a CNA acreditam que não está descartada uma ação jurídica embasada na legislação ambiental vigente.

Sobre o pagamento da indenização dos produtores desapropriados em decorrência da criação de unidades de conservação como, por exemplo, Parques Nacionais e Estaduais, a ministra Marina Silva se comprometeu em estudar uma forma de resolver os acordos de indenizações rapidamente através de compensação de reserva legal que funcionariam como bolsa de créditos ambientais. Sendo efetivada a idéia, o modelo servirá de referência para outras regiões do país.

Eudete Petelinkar
Decom Casa Rural (Famasul Senar/MS e Funar)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)