Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

20/04/2006 16:10

Famasul quer combater a especulação de mercado

Assessoria de Comunicação

A confirmação de atividade viral de febre aftosa em propriedade rural no município de Japorã, Sul de mato Grosso do Sul, volta a preocupar toda cadeia produtiva da carne. O setor produtivo, representado pela Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul), teme pela especulação do mercado, que nesta semana dava os primeiros passos rumo a recuperação de preços.

Para discutir o assunto a diretoria da (Famasul), passou toda manhã desta quinta-feira (20/04), reunida, contando também com a presença representantes de outras entidades, como o diretor da Associação do Criadores de Mato Grosso do Sul (Acrissul), Dácio Queiroz e o diretor do Sindicato Rural de Campo Grande, Carlos Dupas.

Baseados na Nota Técnica do MAPA (DAS N°17), os dirigentes afirmam que não há nenhuma medida restritiva adicional, o que significa que os estados importadores do gado sul mato-grossense não poderão adotar medidas de restrição. No texto da Nota Técnica diz: “Permanecem as restrições estabelecidas pela Instrução Normativa SDA n° 9 de em 15 de março de 2006”.

A Famasul apela aos dirigentes das organizações públicas e privadas que a decisão e a postura sejam convergentes, para não causar ainda mais transtornos. “O momento é de união de todos os elos da cadeia. Não adianta ficar procurando culpados. O problema tem que ser resolvido”, declara Silva Jr.

Hoje às 15 horas, no escritório central da Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal (Iagro), Ademar Júnior participa da coletiva juntamente com o diretor do órgão O escritório central fica na Avenida Senador Filinto Müller, 1146, no Bairro Universitário, em Campo Grande.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)