Cassilândia, Sábado, 29 de Abril de 2017

Últimas Notícias

12/10/2005 08:27

Exportador não vê "problema dramático''no foco de aftosa

Shislaine Vieira/Campo Grande News

A descoberta de um foco de febre aftosa no estado do Mato Grosso do Sul "não é nenhum problema dramático" para os exportadores do produto e para o país, segundo o presidente da Abiec (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes), Marcus Vinícius Pratini de Moraes, nesta terça-feira.
Conforme o presidente da Abiec, o país terá algum prejuízo, até mesmo que alguns países fecharão à importação de carne do Brasil, mas que o assunto não pode ser tratado como drama. Ele disse ainda que o ministério da Agricultura tem capacidade técnica para "tirar isso de letra". E que no momento, o importante é comunicar a todos os países que o Brasil cumpriu rigorosamente as normas sanitárias definidas pela Organização Internacional da Saúde Animal, segundo Agência Brasil.
Moraes visou que apesar de o país seguir adequadamente as normas de sanidade animal, o governo não deu a devida "prioridade" à questão e que esta prioridade precisa ser restaurada.
O governo recebeu, nesta terça-feira, quatro notificações cancelando temporariamente a compra de carne bovina. Os países da União Européia suspenderam a importação de carne de Mato Grosso do Sul, Paraná e São Paulo. A Inglaterra não comprará carne que saia de Mato Grosso do Sul e Paraná. Israel e África do Sul embargaram o produto proveniente de qualquer parte do território brasileiro.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 29 de Abril de 2017
Sexta, 28 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 27 de Abril de 2017
13:24
Cassilândia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)