Cassilândia, Terça-feira, 17 de Julho de 2018

Últimas Notícias

20/06/2018 10:20

Exército deflagra operação para fiscalizar empresas que fornecem armas em MS

Campo Grande News

Em busca de irregularidades em empresas que fornecem, em especial, armas e munições, a 9ª região militar do exército deflagrou a operação “Alta Pressão”, nesta terça-feira (19). As ações tem parceria de unidades do CMO Comando Militar do Oeste com ajuda do SFPC/9 (Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados).

Conforme explica o CMO, o objetivo é fiscalizar empresas que lidam direta ou indiretamente com PCEs (Produtos Controlados pelo Exército) em particular armas, munições, acessórios e insumos de recarga.

As fiscalizações ocorrem nos estados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e no município de Aragarças, no estado de Goiás, área de responsabilidade da 94 Região Militar. A fiscalização impede desvios de armas e munições para o comércio ilegal.

Resultados – Em 2017, segundo o Exército, foram executadas 140 autuações em todo o Brasil. Além disso, a operação, no último ano, resultou em 3 prisões, 272 armas de fogo apreendidas, 158.569 munições, 1.241 airsoft (armas de pressão), 97 Kg de pólvora, 18 lunetas e 3 miras laser.

À época, foram empregados 787 militares do Exército e 248 integrantes dos orgãos de ordem e segurança pública e agências governamentais que, no total, percorreram uma distância de 84.328 quilômetros, fiscalizando 708 estabelecimentos comerciais.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 16 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
Domingo, 15 de Julho de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)