Cassilândia, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

Últimas Notícias

16/08/2018 15:45

Exame confirma morte por violência e madrasta de bebê é presa em flagrante

Campo Grande News

O menino de um ano e três meses morto na manhã de hoje (16) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, foi vítima de violência. Além dos hematomas na cabeça, constatados por socorristas do Samu (Serviço Móvel de Urgência), a criança teve trauma no tórax e laceração no fígado, o que comprovam as agressões.

Após ser informada pelo médico legista sobre a causa da morte, a Polícia Civil prendeu em flagrante a madrasta da criança, Jéssica Leite Ribeiro, 21. O pai do menino, Joel Rodrigo Ávalo Leite Santos, 24, é suspeito de envolvimento, mas a polícia ainda vai aguardar o andamento da investigação para decidir se ele será indiciado ou não pelos maus tratos.

Rodrigo Moura Santos estava sob os cuidados da madrasta quando teve convulsões e morreu antes de ser socorrida. O caso ocorreu na Rua Presidente Kennedy, na Cabeceira Alegre, região leste de Dourados.

“O médico legista informou que a causa da morte foi choque hemorrágico causado por agressão externa. Com o laudo, concluímos que não foi uma morte natural como alegaram a madrasta e o próprio pai”, disse à rádio Grande FM o delegado Marcelo Batistela Damaceno, titular da 2ª Delegacia de Polícia de Dourados.

Segundo ele, além de autuar a madrasta em flagrante, a polícia vai investigar o envolvimento de outras pessoas na morte. “Antes do laudo, tanto a madrasta quanto o pai alegavam que as lesões foram provocadas na tentativa de reanimar a criança, mas o exame descarta morte natural”.

O pai da criança alegou que não estava na casa no momento da morte, mas segundo o delegado existe uma contradição no depoimento dele.

“O horário informado pelo médico do Samu não bate com o depoimento do pai. Tem alguma coisa que o pai parece querer esconder”, declarou Marcelo Damaceno. Segundo o policial, Jéssica está sendo autuada por crime de maus tratos qualificado pela morte da criança.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 18 de Setembro de 2018
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Segunda, 17 de Setembro de 2018
14:59
Cassilândia
10:00
Receita do dia
09:00
Santo do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)