Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/04/2016 06:15

Ex-prefeito e ex-secretário de Finanças têm bens bloqueados pela Justiça

Nyelder Rodrigues, Campo Grande News

O ex-prefeito de Água Clara, Edvaldo Alves de Queiroz, conhecido como "Tupete", e o ex-secretário municipal de Finanças, José Ailton Paulino dos Santos, tiveram os bens bloqueados por decisão da Justiça Federal. Eles são acusados de improbidade administrativa. Além deles, outros sete empresários e empresas também são alvos do bloqueio.

Tupete e José Ailton são acusados de fraudar a aplicação de recursos destinados pelo Governo Federal através do PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar). O prejuízo causado aos cofres públicos pelos acusados, segundo apurou o MPF-MS (Ministério Público Federal em Mato Grosso do Sul), chega a casa de R$ 1.459.190,77.

Segundo a ação do MPF, investigações da CGU (Controladoria-Geral da União) apontam que entre 2009 e 2011 os recursos repassados pelo PNAE à prefeitura de Água Clara - cidade localizada a 198 km de Campo Grande - foram aplicados sem a realização de procedimentos licitatórios, inclusive com superfaturamento de até 549,59%.

Dos mais de R$ 225 mil destinados ao município pelo Governo Federal, apenas 24,37% foram gastos regularmente, mediante pregão presencial. O restante, mais de R$ 170 mil, foi aplicado sem qualquer garantia de que a administração municipal tenha obtido a proposta mais vantajosa e de que todos interessados em contratar com a administração foram tratados igualmente, explica o MPF.

Os dados da CGU, além da contratação direta ilegal, indicam que houve pagamento, pela prefeitura, de gêneros alimentícios que não se enquadram nos padrões estabelecidos pelo PNAE para a merenda escolar - como ovos de páscoa, coca-cola gelada, pó de café e misto quente - e a aquisição dos alimentos ocorreu sem o acompanhamento nutricional adequado, como prevê a legislação.

 

Matéria de autoria do Campo Grande News

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)