Cassilândia, Quinta-feira, 08 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

07/02/2007 13:15

Estudantes acertam apenas 36% da prova objetiva do Enem

Irene Lôbo/ABr

Brasília - Se o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) fosse uma prova escolar qualquer, os participantes de 2006 estariam reprovados na parte objetiva e passariam com a nota mínima na prova de redação. Na parte objetiva, os alunos que fizeram a prova do ano passado receberam nota média de 36,90 pontos, numa escala de zero a 100. Na parte de redação, a nota média foi de 52,08.

Em relação aos dois últimos anos, a nota do Enem na parte objetiva caiu muito. Em 2005, eles alcançaram 67 pontos na parte objetiva, e em 2004, 61 pontos.

Este ano, a média dos alunos egressos de escolas públicas foi inferior à dos que saíram de escolas particulares. Os de escola pública obtiveram média de 34,94 na prova objetiva e 51,23 na de redação. Os de escolas particulares obtiveram média de 50,57 na parte objetiva e 59,77 na redação.

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) registrou recorde de participação em 2006: cerca de 2,7 milhões de estudantes fizeram a prova, de um total de 3,7 milhões de inscritos. O percentual dos inscritos que efetivamente compareceram à prova foi o mais alto desde 1998, quando o exame foi implantado: 74,89% do total. A prova foi realizada no dia 27 de agosto do ano passado.

Fizeram o exame os alunos que concluíram o ensino médio no ano passado e também os egressos, ou seja, os que já haviam concluído o ensino médio em anos anteriores. A prova do Enem é um dos critérios que permitem a estudantes de baixa renda se inscrever no Programa Universidade para Todos (ProUni), que concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições de ensino superior privadas. A nota mínima que deve ser alcançada no Enem para conseguir uma bolsa no ProUni este ano é 45 pontos.

Segundo o MEC, 565 instituições de ensino superior em todo o país, entre as quais 62 públicas, aceitam as notas do Enem como critério para o ingresso num curso de graduação. O Enem foi criado em 1998 com o objetivo de avaliar a qualidade do ensino médio em todo o país. A prova não é obrigatória e é aplicada, uma vez por ano, aos alunos que concluem essa fase da vida escolar.

O Ministério da Educação (MEC) divulgou hoje (7), em Brasília, os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), do Censo Escolar da Educação Básica e do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb).


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)