Cassilândia, Sábado, 29 de Abril de 2017

Últimas Notícias

12/11/2009 18:50

Estudante é impedida de colar grau em MT

24horasnews

Análise e Desenvolvimento de Sistemas da Faculdade Unitins, foi surpreendida com o impedimento de participar da colação de grau juntamente com seus colegas. A justificativa da faculdade para recusar que E.P.L. participasse da solenidade era por causa de pendências financeiras que ela possui com a instituição. A estudante, no entanto, confirma que ficou inadimplente por causa de problemas de ordem financeira e afirmou já ter tentado, por diversas vezes, negociar o débito que é superior a R$ 6 mil.

Com a formatura já marcada para o dia 29 de outubro deste ano, e sem conseguir resolver administrativamente a situação, ela procurou, no dia 23 de outubro, a Defensoria Pública no município de São Felix do Araguaia para tentar, judicialmente, reverter esse impedimento e participar da tão sonhada colação de grau.

O Defensor Público Marco Aurélio Saquetti prestou atendimento à estudante, ficou a par dos acontecimentos e, pelo reduzido tempo que tinham até a data da formatura, imediatamente impetrou um Mandado de Segurança contra o ato supostamente ilegal e abusivo praticado pelo reitor da Fundação Universidade do Tocantins.

Tramitando o processo na 2ª Vara da Comarca de São Felix, o juiz Dr. Marco Antonio Canavarros dos Santos, vendo configurado a violação do direito líquido e certo de E.P.L., concedeu liminar determinando que o nome da referida estudante seja incluído na lista de formandos habilitados à colação de Grau.

Para o magistrado, “é certo que a instituição de ensino em questão não pode impedir a aluna de que participe da solenidade juntamente com sua turma, vez que se existe o débito, a Universidade deverá se valer dos meios apropriados para recebê-los, sendo intolerável que, a fim de atingir tal desiderato, possa ela negar a requerente o direito á colação de grau que o objetivo máximo daqueles que ingressam no curso superior”, explicita em sua decisão.

Assim, no dia 29 de outubro, como previamente marcado, a formanda participou da cerimônia de colação de Grau juntamente com os demais companheiros de faculdade, visto que a lei nº 9.870/99 em seu artigo 6º dispõe que “são proibidas a suspensão de provas escolares, a retenção de documentos escolares ou a aplicação de quaisquer outras penalidades pedagógicas por motivo de inadimplemento [...]”.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 29 de Abril de 2017
Sexta, 28 de Abril de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)