Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/05/2005 15:18

Estiagem faz produtor renegociar 50% dos empréstimos

Fernanda Mathias / Campo Grande News
David MajellaDavid Majella

Cerca de 50% dos recursos controlados para custeio da safra – aqueles que têm taxa de 8,75% a 10,75% ao ano – devem ser renegociados em Mato Grosso do Sul, segundo perspectiva da superintendência do Banco do Brasil com base na grande procura. Isso significa R$ 324 milhões, ou 318% a mais que na safra passada, quando foram renegociados cerca de R$ 77,5 milhões.

O gerente de agronegócios da superintendência, Loureno Budke, explica que desta vez os produtores estão ainda mais descapitalizados, por enfrentarem segunda quebra consecutiva. Além das perdas pela falta de chuva, outro fator importante é a desvalorização do câmbio, hoje oscilando entre R$ 2,45 a R$ 2,47 quando no momento da despesa com custeio da safra estava a R$ 3,10.

“O produtor deu uma apertada no cinto. Há um clima de insegurança e não se sabe se adianta esperar para vender o produto mais para frente ou não”, afirma.

Muitos produtores, segundo as corretoras de grãos, optaram por deixar o grão estocado nas próprias multinacionais à espera de reação de preços. O recebimento de pedidos de prorrogação prossegue. Em 70% dos casos eles vêm da região Sul do Estado, com destaque para Dourados.

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) apontam perda de R$ 1,3 milhão de toneladas de soja em Mato Grosso do Sul. O produto responde por 80% do crédito controlado tomado junto ao Banco do Brasil, ou seja, R$ 514 milhões. A prorrogação do vencimento pode ser para 3 ou 5 anos, dependendo do nível de perdas.

O banco exige que para que seja prorrogada a dívida o agricultor entregue o que é possível na produção penhorada, resguardando o direito que ficar com 20% do que for colhido. Esse índice é para os custos de pós-colheita e escoamento, uma forma de assegurar a atividade até nova safra.

Além dos recursos controlados os produtores também tomaram empréstimos pela CPR (Cédula do Produtor Rural), cerca de R$ 300 milhões, mas neste caso não há prorrogações e, segundo Budke, também não tem ocorrido problemas de inadimplência. A grande preocupação agora, segundo o gerente, é com os pequenos produtores.

“Essa questão está nos deixando de cabelo em pé. Embora haja movimento das lideranças políticas, não saiu extensão das medidas de socorro criadas para o Sul”, afirma.

Ele alerta que os vencimentos de parcelas já estão começando, boa parte a partir de 15 de junho. No Sul, pequenos poderão liquidar a dívida com abatimento de até R$ 650,00, dependendo do valor contratado. O atendimento é condicionado ao decreto de situação de emergência. Em Mato Grosso do Sul 47 municípios tiveram perdas severas com a seca, segundo a Defesa Civil.

Ontem o Ministério do Desenvolvimento Agrário assegurou a parlamentares de Mato Grosso do Sul a inclusão dos agricultores familiares do Estado nas medidas de proteção. O bolsa-estiagem deve ser distribuído a 31,6 mil famílias de pequenos agricultores, indígenas e quilombolas prejudicados pela seca prolongada.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)