Cassilândia, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

04/03/2008 14:11

Este ano ocorreram três focos de raiva herbívora em MS

Fernanda Mathias - Campo Grande News

Neste ano a Iagro já constatou três focos de raiva em bovinos de propriedades de Camapuã, Taquarussu e Costa Rica. Conforme informações da Iagro, semana passada as equipes fizeram captura de morcegos próximo à propriedade atingida em Costa Rica. No raio de 12 quilômetros da fazenda, orientaram produtores rurais de 20 fazendas sobre o foco de raiva na região e a possibilidade de contaminação de outros animais, a importância da vacinação contra a doença, além de verificarem a existência de abrigos de morcegos e o controle dos mesmos.

“Como nem todos esses produtores vacinaram os animais contra a raiva, estavam correndo risco de serem atingidos pela doença, porque os morcegos se movimentam e a doença pode se expandir até 25 quilômetros por ano”, diz o coordenador do programa, Ademar Etiro Mori. A preocupação da Iagro é porque como se trata de zoonoze, humanos podem contrair a doença, que é letal.
“Os animais contaminados dão a impressão de estarem engasgados, mas não se deve colocar a mão na boca deles como se fossem tirar algo da garganta, já que através da saliva o vírus é transmitido”, explica Ademar. Nos bovinos, o sinal inicial da doença é o isolamento. O animal se afasta do rebanho, apresentando apatia e perda do apetite.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Novembro de 2017
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Domingo, 19 de Novembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)