Cassilândia, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/06/2004 08:35

Espionagem: Gabinete de Segurança abre sindicância

Ana Paula Marra/ABr

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSI), general Jorge Armando Félix, mandou instaurar sindicância para apurar a veracidade da reportagem publicada na revista Veja desta semana e o envolvimento e a responsabilidade de servidores da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) e do Palácio do Planalto.

Segundo a Veja, um funcionário do Palácio do Planalto e dois servidores da Abin estariam fazendo espionagem para prejudicar o ministro da Casa Civil, José Dirceu, e a prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT).

De acordo com nota da Assessoria de Comunicação do GSI, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva concordou com as providências tomadas pelo Gabinete e recomendou apuração rigorosa dos fatos.

O general Jorge Félix se reuniu ontem, no fim da tarde, no Palácio do Alvorada, com o presidente Lula para discutir quais providências poderiam ser tomadas sobre a suposta atuação de um espião no Palácio do Planalto.

A Abin é subordinada ao Gabinete de Segurança Institucional, órgão responsável pela segurança presidencial e pela apuração e informações sigilosas de interesse da presidência da República.

A íntegra da nota divulgada pela Asessoria de Comunicação do GSI:

"Em complemento à informação anteriormente divulgada sobre a matéria publicada na Revista VEJA, edição 1858, com o título “Caçada ao Espião do Palácio”, o Ministro Chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República (GSIPR) mandou instaurar, em 14 de junho de 2004, Sindicância para, no âmbito do GSIPR e da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), apurar a veracidade da reportagem e, se for o caso, o envolvimento e a responsabilidade de servidores dos mencionados órgãos.

Durante despacho ocorrido hoje, o Senhor Presidente da República concordou com as providências até então tomadas e recomendou apuração rigorosa dos fatos."

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 09 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)