Cassilândia, Quinta-feira, 24 de Maio de 2018

Últimas Notícias

05/04/2005 15:31

Especialista pede mais recursos para hemodiálise

Agência Câmara

O presidente da Associação Brasileira dos Centros de Diálise e Transplantes, José Aloísio Vieira, defendeu, há pouco, o reajuste no repasse de verbas para o tratamento de doentes renais crônicos no Brasil. Ao participar de audiência da Comissão de Seguridade Social e Família, ele apresentou estatísticas sobre a qualidade da hemodiálise no País e afirmou que, em cinco anos, o número de pacientes dessa modalidade de tratamento deverá dobrar. O aumento, segundo ele, será causado pela elevação dos índices de obesidade, hipertensão e diabetes, entre outras doenças.
Vieira disse ainda que é preciso haver uma política de financiamento da hemodiálise, pois atualmente os repasses de verbas às clínicas atrasam de 30 a 60 dias, e a carga tributária já alcança 14% do faturamento dessas clínicas.

Política de financiamento
O presidente da Sociedade Brasileira de Nefrologia, Pedro Gordan, também defendeu a criação de uma política de financiamento para a área, de modo a assegurar a dignidade dos nefrologistas. Ele afirmou que, em caso de dúvidas sobre a veracidade dos dados estatísticos a respeito da hemodiálise, o Governo deveria investigar. Assim, na avaliação de Gordan, poderia comprovar que não há lucro excessivo por parte das casas de saúde.

A audiência para debater a situação da hemodiálise no Brasil foi solicitada pelo deputado Rafael Guerra (PSDB-MG). O evento prossegue no plenário 7.

Reportagem - Adriana Resende
Edição - Pierre Triboli

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 24 de Maio de 2018
Quarta, 23 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)