Cassilândia, Quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2017

Últimas Notícias

04/01/2015 12:08

Especialista ensina como se proteger de uma tempestade com raios

Dourados Agora

O Brasil é o campeão mundial de raios. São aproximadamente 50 milhões de descargas atmosféricas por ano.

Em 2014, estima-se que 99 pessoas morreram vítimas de raio no país, o mesmo número de 2013. Foram 16 só em São Paulo, o estado que registrou mais mortes. O especialista em gerenciamento de risco Gustavo Cunha Mello ensina como se proteger em diversas situações.

Praia
Durante um temporal não se deve ficar na praia. O raio sempre procura o ponto mais alto, e tanto no mar quanto na areia as pessoas exercem esse papel.

É importante ir para um local abrigado, mas os quiosques não são seguros, já que eles são o ponto mais alto da região. O ideal é entrar em um imóvel ou automóvel, pois os pneus emborrachados isolam o raio.

Para-raios
Todo o sistema de para-raios deve receber manutenção a cada cinco ou dez anos. Para-raios radioativos devem ser trocados por autoridades competentes, já que estão proibidos desde 1980.

Colocar antenas, ar-condicionados e outros objetos para fora das janelas cria outros caminhos para o raio descer e contamina o do para-raios. Isso pode queimar todos os equipamentos do local e também provocar um incêndio.

Aviões e navios
Aviões não são afetados por raios quando estão voando, já que eles não estão encostados na terra. Os veículos também não vão sofrer danos. Barcos e navios não necessariamente são afetados, pois o raio vai passar por eles para ir para a água.

Lendas urbanas
O jargão de que um raio não cai duas vezes no mesmo lugar é falso, pois se ele caiu em um ponto isso significa que o local é um bom condutor. E mesmo as pessoas que usam sandálias de borracha podem ser atingidas por um raio. Além disso, o calçado pode derreter e causar queimaduras.

Como se salvar
Caso a pessoa não tenha como sair do local, o ideal é andar de cócoras, sem levantar as mãos e encostando apenas os pés no solo.(G1)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 23 de Fevereiro de 2017
Quarta, 22 de Fevereiro de 2017
13:30
Cassilândia
10:00
Receita do dia
Terça, 21 de Fevereiro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)