Cassilândia, Terça-feira, 29 de Setembro de 2020

Últimas Notícias

30/10/2003 13:01

Especialista diz que hepatite é doença que mais mata

Agência Câmara

Nenhuma doença mata tanto atualmente quanto a doença hepática crônica e a cirrose. A informação é do chefe do setor de hepatologia da disciplina de Transplante e Cirurgia de Fígado do Hospital das Clínicas da USP, Hoel Sette Junior. O especialista participou de audiência pública promovida pelas comissões de Seguridade Social e Família ; e de Defesa do Consumidor, Meio Ambiente e Minorias da Câmara Federal que debateu a realização pelo SUS de tratamentos caros.
Sette Júnior explicou que de 20% a 40% dos portadores de hepatite desenvolvem cirrose e, desses, de 1% a 2% desenvolvem câncer. Apenas 15% a 20% dos pacientes com hepatite aguda conseguem se curar. "A hepatite C, no ano de 2008, deve ter um aumento de 68% de seus casos de câncer", calcula o médico.
Ele lembra ainda que, na faixa de 45 a 64 anos, as doenças hepáticas crônicas e cirrose são a quinta maior causa de óbito nos pacientes masculinos. No caso do sexo feminino nessa faixa etária, é a sétima maior causa.

GRUPO DE RISCO
Os usuários de droga intravenosa, as pessoas que passaram por transfusão de sangue ou hemodiálise e ainda os filhos de mães que têm hepatite C são, segundo Sette Júnior, o segmento da população que corre o maior risco de contrair o vírus.





Reportagem - Simone Ravazzolli
Edição - Natalia Doederlein


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 29 de Setembro de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Segunda, 28 de Setembro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)