Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/06/2008 14:02

Escolas técnicas terão R$ 45 milhões e 8 mil vagas em MS

Aline dos Santos - Campo Grande News

Com números superlativos, investimento inicial de R$ 45 milhões e 8 mil aluno, as escolas técnicas federais serão instaladas a longo prazo no Estado. Nesta quarta-feira, foi firmado convênio para implantação da Escola Técnica Federal de Mato Grosso do Sul, subdividida em sete unidades: Campo Grande, Nova Andradina, Coxim, Aquidauana, Ponta Porã, Três Lagoas e Corumbá. Contudo, na etapa inicial, apenas os dois primeiros municípios serão atendidos.

Diante de um público formado em sua maioria por estudantes das escolas municipais Frederico Soarez, Nagib Raslan e Eulália Neto Lessa foi anunciado o investimento de R$ 15 milhões para construção de dois blocos em Campo Grande. De acordo com o diretor-geral da escola técnica federal de MS, Marcus Aurélius Stier Serpe, a previsão é que a obra na Capital comece em 2009. A escola técnica terá parceria com a Universidade Tecnológica do Paraná.

Os dois blocos deverão atender dois mil alunos, aos quais serão oferecidos cursos em cinco áreas: tecnologia de informática, tecnologia de industrialização, indústria de biocombustível, comércio exterior e representação comercial e financeira. A prefeitura da Capital doou o terreno, localizado no bairro Santo Antônio, e a o governo do Estado repassou R$ 800 mil para elaboração de projetos. O prefeito Nelson Trad Filho (PMDB) destacou que os estudantes serão dotados de condições para enfrentar o “agressivo” mercado de trabalho.

O governador André Puccinelli (PMDB) lembrou que Nova Andradina há 15 anos possui uma escola técnica inacabada. De acordo com Marcus Aurélius a obra na cidade, também sem previsão de início, deve ser mais rápido porque já existe um imóvel. Lá, o Ministério da Educação vai destinar R$ 5 milhões. O mesmo valor será repassado para as outras cinco unidades que serão construídas futuramente.

Em cada escola, o governo federal vai contratar, por meio de concurso, 100 funcionários: 40 professores e 60 administrativos (médicos, assistentes sociais, pedagogos).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)